Fev 07 2020

Correio Alentejo

Publicado por as 19:00 em Geral

Share

13 Resposta a “Correio Alentejo”

  1. Arlindo diz:

    As obras do Mercado e todos os aspectos relacionados , vão contribuir decisivamente para a derrota autarquica do PS de Beja .

  2. Carlos diz:

    Arlindo, essa é das melhores que já li.
    Essa dor de barriga não passa?

  3. Arlindo diz:

    @Carlos. Como o PS de Beja não irá conseguir silenciar o PRAÇA decerto que nos próximos meses iremos trocar aqui diversas impressões acerca das obras municipais que a Camara lançou ou vai lançar.
    Decorridos 2 Anos após a tomada de posse nem o problema dos buracos nas “estradas ” do Parque Industrial conseguiram resolver quanto mais as obras propostas. São uns cômicos.

  4. Carlos diz:

    Arlindo, moi-te! Até te apagas!

  5. Arlindo diz:

    @Carlos- vê-se mesmo que não aprenderam nada com a derrota de Pulido Valente. Igual á vossa arrogância bacoca só a dos vossos amigos do PCP.

  6. Carlos diz:

    Amigos ??? Arreda satanás. É mais vodka laranja. Sê feliz.

  7. Patolas diz:

    Saia um vodka laranja para os buracos do parque e da estrada da salvada!
    Finalmente preocuparam-se. Uns cómicos…

  8. João da Mota diz:

    Assim como para os dejectos caninos que tomaram conta das ruas da cidade.
    Uma vergonha para todos nós bejenses.

  9. Arlindo diz:

    @Carlos. O PS de Beja e o PCP da Rua da Ancha são iguais no seu sectarismo , na sua intolerância, na sua incapacidade e incompetência de fazerem uma gestão transparente. Esses da “laranja ” nem contam , embora os PS tenham herdado e ampliado algumas situações de vodka laranja.

  10. Paulinho diz:

    @Carlos, não consegues enxergar que se fizessem a obra 50/50 seria uma empreitada sem problemas para a mesma em termos de execução e de quem ocupa e vai ao espaço…
    Infelizmente, o teu asno politico não consegues ver para o futuro…
    Infelizmente verifico que és um coitadinho.
    Porta-te!

  11. Mike Fox diz:

    Falam,falam,falam,nã dizem nada…claro que fico chateado
    Quanto às obras no mercado deveriamos discutir as diferentes caras que a CMB apresentou nas negociações com os atuais comerciantes que ai desenvolvem a sua actividade.É que se temos casos de comerciantes com dividas acumuladas de dezenas de milhares de euros(basta consultar os editais lá colocados) temos muitos ouros com as contas em dia.E o que fez a CMB?
    Temos gente que pagava rendas de 100€ por mês a receber 600€ e já colocados em lojas nas proximidades,temos outros a que a CMB ludibriou rescindindo os contratos no fial do ano e agora nada tem..nem promessas vâs.Outros há que não sabem se vão ter lugar no futuro mercado e que agora não tem condições para desenvolver a sua actividade.
    O mercado precisa de obras é certo,mas as pessoas que tem lá a sua vida,comerciantes com as contas em dia,muitos vão sair desta babel com a vida enrolada outros há para quem isto é o fim de linha.
    Quanto ao vodka/laranja,não sendo a minha bebida de eleição…se a opção for água de rosas…
    vale a pena pensar nisto

  12. João da Mota diz:

    Não teria sido mais sensato ter feito esta obra de forma faseada, em vez de se encerrar o mercado durante tanto tempo.
    É que as queixas sobretudo dos talhantes deviam ter sido levadas mais a sério. Pois o risco de falência, dado a dificuldade de instalarem câmaras frigoríficas em outros locais é bem real.

  13. Holandes diz:

    Só o Minipreco e que vai continuar a exercer normalmente a sua actividade. Para esses não existe encerramento.