Mar 25 2019

Panóplia Leaks?

Publicado por as 21:30 em A minha cidade

Jorge Barnabé não tem nada a esconder. O assunto que encheu recentemente algumas mesas de cafés, e que o próprio Barnabé tem vindo a alimentar, com sucessivos posts no FACEBOOK, não é novo, e há uma ano já havia provocado celeuma, o que levou Jorge Barnabé a apresentar queixas formais no Ministério Público, contra autores de comentários no blog Alvitrando. Não sei como ficou esta demanda judicial.

Agora, a revista “Sábado” (esse exemplo de “jornalismo”) voltou a pegar no assunto. Do que li, não vejo, nem sou entendido no assunto, que haja matéria criminal.
O que interessa saber é se, na realidade, as autarquias socialistas, por ruelas e travessas, favorecem as empresas detidas por Barnabé e/ou por familiares deste.
Conheço o Jorge há anos e não tenho que estar aqui a dizer o que penso ou deixo de pensar.
Incomoda-me vê-lo, muitas vezes, fazer o papel de “voz do dono”, como o fez recentemente num post com o título “UM PAÍS ESQUIZOFRÉNICO” (assim em maiúsculas), onde alinhava e reforçava as críticas de Pedro do Carmo à CNE. Tratando-se de um assunto que beliscava as autarquias (também socialistas), proibindo-as de comunicar/publicitar obras e projectos em período pré- eleitoral, Barnabé, que está “na vanguarda da comunicação”, não terá gostado que algumas janelas de oportunidade pudessem vir a ser encerradas. Não sei quem se insurgiu primeiro, se o deputado se o empresário. Mas estas excessivas “colagens” ao PS demonstram que a desfiliação de Barnabé não significou um corte do cordão umbilical com o partido.
Voltando ao que interessa: É ou não verdade que as autarquias socialistas favorecem a contratação das firmas de Jorge Barnabé para a produção de espectáculos nos concelhos que lideram? Se sim, averigúe-se de que forma.
E depois há aquela questão: quando os comunistas dominavam as autarquias, e eu já cá ando há alguns anos, os socialistas vomitavam ódio por as contratações serem sempre feitas aos amigos do PCP. Ora, agora com o PS dominante, a coisa parece ser é igual. Mas como são socialistas, não gostam de críticas, fazem ameaças e, pior, não tentam esconder que o fazem por vingança.
O que vem dar razão a quem diz que “só mudaram as moscas”.
E eu corroboro: “a merda é a mesma”.

Share

15 Resposta a “Panóplia Leaks?”

  1. Silvino diz:

    Começo tal como acabaste ” a m…. é a mesma “. Os PS que ferozmente atacavam os eventos do JR afinal têm um comportamento ainda pior. O JR pelo menos tinha bom gosto , agora estas saloiadas do Arsenio são de fugir. Ainda na ultima Ruralbeja (para mim será sempre a Ruralbeja ) fiquei estarrecido quando tomei conhecimento que um Pavilhão ,cuja montagem foi cometida ao Sr. Barnabe , teria tido um custo de cerca de 80.000 €. Provavelmente mais um “ajuste directo” .Praticamente a utilização deste Pavilhão restringiu-se a prova de alguns cozinhados por Paulo Arsenio e aquela pseudo-aristocracia que o rodeia.Seria tambem pertinente que se esclarecesse se Pedro Carmo , alem de Deputado , e que efectivamente manda na CMOurique.

  2. ONDO diz:

    Estou curioso se o “Avante ” do PS Beja , vulgo Diario Alentejo , noticiara esta noticia da “Sabado “. É provavel que os censores de serviço não permitam que o Maneta escreva qualquer noticia acerca desta ilegalidade , para não dizer vigarice , das Camaras PS do Distrito.

  3. Julio Silva diz:

    O Ministério Publico e o Tribunal Contas têm a obrigação de investigar todo este edifício de contratações, desenquadradas do que a Lei assim obriga.

  4. nobre diz:

    138 mil euros para comemorar a batalha de Ourique? Deve ter sido a reconstituição histórica mais cara do país. Comparem com as outras aqui na região. Ainda por cima foi um fracasso com pouca gente a assistir.

  5. João Espinho diz:

    @nobre esse valor é público ou é mera especulação?

  6. nobre diz:

    Vem no artigo da revista Sábado. 73700 euros para a Panóplia d’Encantos mais 64300 euros para a Avenidas e Fantasias. Devem ter investigado essas verbas.
    Mas não falaram no antigo deputado do PS António Galamba que foi contratado pela câmara de Ourique por 1500 euros por mês para assessor de comunicação. Só que o homem vive na zona de Lisboa. Deve trabalhar pela internet.

  7. Ecce homo diz:

    É um encanto!

  8. Ana Patricio diz:

    O Antonio Galamba vive nas Caldas da Rainha e vem facturar 1500 € como RP da Camara de Ourique. INCRIVEL.

  9. João Espinho diz:

    @ana – mas o Galamba não está no governo? Isso não é mais uma especulação?

  10. Galambas diz:

    Há o António, que tem uma coisa tão grande que vai das Caldas até Ourique, e há o João, que está no Ambiente.

  11. Ana Patricio diz:

    Espinho – este Galamba é um outro , muito ligado ao Seguro , e que foi corrido das listas de deputados pelo Costa.
    Procure no google que consegue identificar facilmente.

  12. Galambas diz:

    De recordar que Pedro do Carmo é o único líder federativo do PS no país que pertence à linhagem do Seguro. Parece que cá se fazem, cá se pagam.

  13. otário diz:

    Data de publicação no BASE 24-05-2018
    Tipo(s) de contrato Aquisição de serviços
    Concessão de serviços públicos
    Tipo de procedimento Ajuste Direto Regime Geral
    Descrição Prestação Serviços na modalidade de avença – assessoria da comunicação
    Fundamentação Artigo 20.º, n.º 1, alínea d) do Código dos Contratos Públicos
    Fundamentação da necessidade de recurso ao ajuste direto (se aplicável) Não aplicável
    Entidade adjudicante – Nome, NIF Município de Ourique (506876330)
    Entidade adjudicatária – Nome, NIF António Bento da Silva Galamba (182513840)
    Objeto do Contrato Prestação Serviços na modalidade de avença – assessoria da comunicação
    Procedimento Centralizado –
    CPV 79341000-6, Serviços de publicidade
    Data de celebração do contrato 09-04-2018
    Preço contratual 18.000,00 €
    Prazo de execução 365 dias
    Local de execução – País, Distrito, Concelho Portugal, Beja, Ourique

    http://www.base.gov.pt/Base/pt/Pesquisa/Contrato?a=4503373

    http://www.base.gov.pt/base2/rest/documentos/449154

  14. Castelo diz:

    Este contrato dos 18000 €/Ano faz lembrar aquele aldeao que andava sempre nos cabarés de Lisboa e que em casa (neste caso em Ourique ) não dava de comer aos Filhos porque não tinha dinheiro.

  15. GoogleIt diz:

    Isto cheira a uma vingançazita de alguém que foi expulso do Diário do Alentejo… (pxiuu)

    – Verdade seja dita, todos nós sabemos que com a CDU as empresas que prestam serviços são escolhidas a dedo. Até na freguesia mais remota encomendam coisas a entidades ligadas ao PCP e que já foram notícia como as tipografias por exemplo.
    – Onde está o PS os serviços são para empresas com pessoal ligado ao partido.
    – Onde está o PSD a mesma coisa, sem tirar nem pôr.

    Nuns casos mais do que outros… também sabemos que um Município não gasta apenas dinheiro com o Barnabé, há uma série de empresas de serviços e materiais e destaco também empreiteiros de obras e arranjos de estradas que não têm quaisquer ligações políticas e arrecadam bastante dinheiro porque afinal são despesas necessárias.

    Não quero estar para aqui a limar a coisa, mas como sabemos que todos o fazem, prefiro que gastem com empresas do Distrito do que com empresas do regime que nem sede têm no Distrito limítrofe.

    Mas a key deste comentário era a primeira frase 😀