Jan 18 2019

Expliquem-me lá…

Publicado por as 10:51 em A minha cidade


Então eu estou a financiar uma obra? Os munícipes estão a pagar por uma coisa que não existe? Sim, a EMAS cobra aos munícipes para financiar obras… onde é que isto vai parar?

Share

18 Resposta a “Expliquem-me lá…”

  1. factura da água diz:

    Apenas uma ou duas perguntas:
    – Vai existir uma nova ETAR e para que isso seja uma realidade implica desde logo estudos e projectos de engenharia e arquitectura, com vários pareceres de várias entidades, para depois poder ser candidatada a fundos da Comunidade Europeia ?
    – O descrito terá sido tudo feito de borla ou terá custos ?
    Quem de direito que esclareça, sff.

  2. ANTONIO JOSE diz:

    Já temos uma das águas mais caras do país e não pára de aumentar. Mais valia arranjar uma factura mais simples de leitura, que qualquer adulto percebesse e só se vê é taxas e taxinhas e os euros é mais de taxas do que água que se gasta, ou não é assim? toino zei

  3. PL diz:

    Alguém de direito já veio à praça explicar? Gostaria de saber quais os argumentos que justifiquem este aumento.

  4. Armandino diz:

    Gostaria de saber a opinião, obviamente muito abalizada , do Sr. Reinaldo Louro.

  5. Reinaldo Louro diz:

    @ Armandino

    Chegado à instantes de Lx e da festa do 8º aniversário dos meus netos gémeos, tenho todo o prazer de dar a minha opinião de que até à data ainda não recebi a factura da Emas, já que é paga por débito bancário, prometo que a comentarei com isenção total assim que tiver lido o seu conteúdo,se é ou não abalizada depende do conhecimento da matéria em causa.
    Contudo, posso adiantar que aumentos superiores à inflação não são agradáveis e discordo, só depois de bem explicado a(s) razão(ões).
    Até breve.

  6. Gaivota diz:

    Sr. Reinaldo Louro,

    Estamos à sua espera para responder…

    Ou não interessa responder???

  7. Aureliano diz:

    @Gaivota–Reinaldo Louro quando não lhe convem vem logo com a lenga lenga dos netos e da Esposa.Parece-me que nem os PS têm vontade do aturar.

  8. Reinaldo Louro diz:

    Com data de emissão a 17/1, só hoje recebi dia 23 a referida factura do EMAS.

    Pagava média 25 € mensais e cá está ela com valor total de 35,51 €, o que significa em termos práticos um aumento de 40%, inqualificável !!!

    Em face do exposto discordo totalmente como consumidor e obviamente aguardo para além das linhas transcritas no lado esquerdo da factura/recibo, um esclarecimento cabal do porquê de tão brutal aumento, por parte da administração da empresa municipal do EMAS, que tem como presidente o eng. Luis Miranda ou do administrador delegado eng. Rui Marreiros.

  9. Reinaldo Louro diz:

    @ Aureliano

    Para não lhe chamar cobarde, porque eu dou o nome e você não, para não não lhe chamar indecoroso ao colocar a minha família no texto e nunca fui filiado ou é crime simpatizar com algumas ideias, com palavras e texto que lhe deviam meter vergonha e não só, tenha coragem e falar-lhe-ei, pessoalmente ou tem medo ?
    Quando tenho que tomar aqui ou em qualquer lugar tomadas de posição, tenho-os no sítio e não estou e nunca estive amarrado às ideias ou pensamentos para os expôr, nos lugares próprios sem receios no antes do 25 e no depois de Abril de 1974.

  10. Aureliano diz:

    REINALDO-para se acalmar recomendo que dê 20 voltas , a correr e de tronco nu , ao Largo do Carmo .Essa excitação , na sua idade , não e nada saudável.

  11. pl diz:

    De acordo com as notícias de 20/12/2017 no site da EMA “…serão também necessários ajustes na estrutura do próprio tarifário, com a alteração do número de escalões, processo que esteve em curso até 2013, altura em que foi interrompido.” Esta revisão ainda não foi realizada pelo que será espectável este ajuste em 2019 para mais um acréscimo na fatura da água ao final do mês …..

  12. Reinaldo Louro diz:

    @ Aureliano

    Afinal você é mesmo cobarde, porque responde mas não dá a cara, porque é uma pessoa mal formada ” joga a pedra ” e esconde a mão, conhece-me bem, sabe a minha morada e a minha família, não se preocupe com o a minha idade e eventual excitação escrita, porque existem meios sem ser os físicos, para estar e ser diferente, que citou e daí a sua retracção infantil.

  13. pl diz:

    @ Reinaldo Louro com tanta excitação ainda tem que tomar mais uns banhos. Mas com ponderação olhe a fatura da água….
    Já agora viu na sua fatura a atualização dos escalões anunciada para 2018?

  14. Reinaldo Louro diz:

    @ pl
    Já comentei a minha factura ( dia 23 – 12.29 h ) e a minha total discordância no meu caso do aumento de 40%, ainda não vi os escalões, mas irei ver e continuo a aguardar explicações perante tão enorme aumento e os porquês, que decerto existirão aos consumidores e ainda não compreendi apesar de todas as livres opiniões expressas.

  15. BejaMereceIsto diz:

    já estamos a pagar por uma coisa que ainda não está em funcionamento. Qualquer é mais um aumento quando a ETA da Magra estiver a funcionar.
    ETAR de Beja – responsabilidade de construção e afins é das Aguas Publicas do Alentejo. Nós vamos ter de pagar uma taxa pelo tratamento das águas residuais e da água da chuva. a sorte ou azar é que chove pouco…mas se em média chove 600 mm ano…façam as contas ao que pagamos por não termos redes de drenagem separativa…

  16. pl diz:

    @Reinaldo Louro vou ajuda-lo sobre os escalões. Para isso basta consultar os artigos 85 e 86 do Regulamento dos Sistemas Públicos e Prediais de Abastecimento de Água do Município de Beja de 25 de Julho de 2013 (https://www.emas-beja.pt/files/pdf/regulamentos/Regulamento-dos-Sistemas-Publicos-e-Prediais-de-Abastecimento-de-Agua-do-Municipio-de-Beja-pdf-879.pdf ), e comparar com os escalão da sua fatura de água.

  17. João Espinho diz:

    @pl – consegue descodificar esse articulado? É que eu sou um nabo. Obrigado.

  18. Alvaro diz:

    É comer e calar.Para aqueles que se constituem defensores da gestão socialista da CMB e empresas participadas solicita-se que pelo menos tenham alguma honestidade intelectual.