Jun 11 2018

Ó Vítor, então?

Publicado por as 19:02 em A minha cidade

Diga às pessoas que Beja deve a subida no ranking ao aumento das exportações das empresas privadas. É que, no seu executivo, a única coisa que aumentou em Beja foi o número de pombos.
Vá, não se pique.

Share

8 Resposta a “Ó Vítor, então?”

  1. Miguel diz:

    É pá essa tá boa, agarram-se a tudo, estão mesmo desesperados. Já começaram com mentiras e falsas argumentações. Beja subiu no ranking das festas concerteza. Quanto mais falam mais se enterram.

  2. Manuelino diz:

    Convém explicar. Assim, à primeira vista ainda alguém pode pensar que foi obra de um executivo que pouco ou nada fez em prol do Desenvolvimento Económico do Concelho.

    Diz o artigo do Expresso, relativamente a este ranking:

    “No terceiro ranking, estão os municípios que, exportando um mínimo de €100 milhões por ano, conseguiram fazer crescer as vendas ao estrangeiro bem acima da média nacional entre 2013 e 2017.

    O ranking é liderado por quem mais do que duplicou as suas exportações nos últimos anos: Odemira, Bragança e Beja. Mas Braga — que exporta mais sozinha do que estes três municípios juntos — surge logo em 4º lugar, com um crescimento de 93% desde 2013, um ritmo seis vezes superior à média nacional. De realçar que as exportações de Braga aumentaram 35% só no último ano. Excluindo o tal súbito aumento de natureza administrativa de Setúbal, nenhuma outra potência exportadora apresenta tanto dinamismo.”

  3. ATENTO diz:

    Alguém notou nesse período, qualquer dinâmica na cidade? Eu não…Devo ser parvo!

  4. filipe diz:

    Novo executivo e a dinâmica continua estonteante….

  5. João Espinho diz:

    Em número de pombos?

  6. Filipe diz:

    Pombos e pombas…

  7. Reininho diz:

    E pombinhos que deixaram de aceder ao “milho”…

  8. Wi-Fi diz:

    Este moço é completamente patético, e ainda não percebeu a figura triste que anda a fazer! Mas continue que em 2021 o PCP logo lhe canta a canção do adeus.