Jan 01 2018

O olhar de…

Publicado por as 12:39 em Fotografia,O Olhar de....

oceano
foto: joão espinho

    “É preciso escrever com as mãos limpas
    o eco da poesia que corre
    entre as margens de erro da vida;
    e emendar o céu…
    com o olhar simples
    de quem apanha as estrelas distraídas
    e voa, para que se abracem,
    encurtando a distância
    que, sob qualquer circunstância,
    cabe inteira num poema.
    Sem fragmentos, respiração suspensa
    e uma história imóvel
    entre os gracejos de um copo de vinho
    que aviva veloz, a memória da tua voz
    doce e calma a léguas de mim…
    É preciso corrigir a lonjura sempre que chove
    e o dilúvio da cidade solitária se abate sobre os nossos corações.
    … escorrem as emoções, ao sul
    desaguando no mar azul
    que te traz…
    e só termina nos meus olhos.”
    Rita Nascimento
Share

Deixe Uma Resposta