Jul 08 2017

Guerrilha verbal

Publicado por as 14:00 em Autárquicas 2017

Армрестлинг

Escrevi este post (ficou em rascunho) em Agosto de 2016. Continua actual. Farei, porém, lá mais para a frente, um post sobre o que temos assistido no Facebook. Até lá, vamos lendo e escrevendo.

Estamos a cerca de um ano das eleições autárquicas e as redes sociais já estão ao rubro, com ataques e emprego de uma linguagem imprópria de gente que se diz civilizada e participativa.
Se no Facebook e Twitter a identificação dos comentadores é difícil de ocultar, já nos blogs a participação de alguns parece feita a partir de sarjetas, tal a imundície que deixam nas caixas de comentários.
Este blog foi criado em 2013 e já passou por muitos actos eleitorais. Sabemos que o fervor das campanhas, e pré-campanhas, tende a atenuar-se e subsiste por pouco tempo para além do dia das eleições. Muitos há que, sob a capa do anonimato, se transformam em verdadeiros pugilistas selvagens, sem regras, sem educação, transformando o debate num campo de batalha, onde sobressaem as ofensas, as insinuações e a ordinarice. Tenho, bem guardados, alguns comentários que foram feitos aqui no Praça e noutros blogs locais. E estão devidamente identificados. Para além das ferramentas que qualquer blogger pode usar para “seguir” um comentador, a linguagem que usam repete-se nas suas páginas pessoais no facebook. O que lhes faz cair a máscara de “anónimo”.
Não vou pedir para que se evite o comentário ordinário e envenenado. Mas seria bom que se elevasse o nível de participação no debate. Não só em quantidade mas, muito principalmente, em qualidade.

Share

Uma Resposta a “Guerrilha verbal”

  1. Alibaba diz:

    Tenho muitas saudades dos comentarios do “independente” Reinaldo Louro. Estas perdoado .adoro os teus posts.

Deixe Uma Resposta