Jul 20 2017

Falta de respeito

Publicado por as 12:11 em A minha cidade

A Profª Drª Nilza de Sena, deputada do PSD pelo círculo de Beja desde as últimas eleições legislativas, faz um balanço da sessão legislativa que vai agora terminar. Como se pode ler aqui, a deputada toma como dela, as dores dos baixo-alentejanos. É típico.
Uma breve vista de olhos à atividade parlamentar da Profº Drª Nilza de Sena, faz-nos perceber que as intervenções sobre as automotoras que servem Beja-Casa Branca ficaram na gaveta da senhora deputada. Foi activa a falar das linhas do Oeste, do Vouga e do Metro de Lisboa.
De Beja, zero!

Para além de umas visitas a escolas e feiras do Distrito, a que se somam outras de cariz social, a deputada do PSD ignora, liminarmente, quem aqui vive e trabalha. Desconheço quantas vezes utilizou os serviços da CP para aqui se deslocar. Não terão sido muitas. Seguramente terá vindo de pára-quedas. Como em 2015, para ser candidata por um território que não fazia parte dos seus roteiros.
Ainda alimentei uma ténue esperança de a ver nas escadarias do Museu a entoar o Beja Merece+. Mas não! Tal como os outros deputados do Distrito, ignorou-nos.

É por esta, e outras semelhantes, que nos vamos afastando, cada vez mais, da classe política. E que a abstenção vai subindo.

Antes do próximo balanço venha até cá. E fale com as pessoas. Pode ser que, assim, alguém a leve a sério.

Share

7 Resposta a “Falta de respeito”

  1. enxoe diz:

    Demorou…

  2. Maria Flores diz:

    Total falta de honestidade intelectual , capacidade e competencia politica. Ao nível de Mário Simões.

  3. Lelia Pestana diz:

    Sem querer entrar em polémica causa-me estranheza o facto do seu post não vir acompanhado do link ( costuma faze-lo ) para dar oportunidade de todos lerem a noticia corretamente.
    O resumo que aqui faz não é real.
    Falar da pouca atividade da Deputada no Distrito parece me injusto, criticar a sua fallta de empenhamento é ridiculo.
    Afinal leem e ouvem-se todas as noticias das radios locais e nao se relevam as que mostram as intervenções na Assembleia sobre o Distrito ?
    Olhe que não foram poucas.
    Talvez tenha sido o Deputado que mais se debateu pelo Distrito.
    Ou agora os outros é que foram bons ?
    Lembra-me o ditado :
    “Queres ser bom, morre ou ausenta-te ”
    Sejamos criticos mas honestos mesmo quando não se gosta.

  4. João Espinho diz:

    @lelia – se reparar bem, encontrará a hiperligação para a notícia, como é hábito aqui na casa. Quanto à injustiça da crítica que aqui faço hoje, é provável. Peca por tardia. Mas se me disserem ( e provarem) que a deputada Profª Drª Nilza de Sena se multiplicou em intervenções na AR onde se refira concretamente ao exemplo que destaquei, dou a mão à palmatória. Quem é que disse que os outros deputados eram melhores? Leu o que escrevi?
    Aproveito para sublinhar o que disse em 2015: a candidatura da Profª Drª Nilza de Sena foi um erro. Serviu para afastar Mário Simões de cabeça de lista e nada mais. Foi um “serviço ao partido” e pouco mais. Havia outras soluções. E não necessariamente vindas de pára-quedas.
    Acrescento mais: as visitas da deputada ao Distrito, onde depois das mesmas se emitem notas de imprensa, são pouco, ou nada, consequentes. Servem para mostrar algum serviço.
    Cumprimentos.

  5. Lelia Pestana diz:

    Mas, João Espinho, não podemos esquecer também que estamos na oposição e que na oposição raras são as coisas que se conseguem levar a bom porto de imediato.
    Quanto ao ser ou não paraquedista, termo tão usado em política para quem se candidata vindo de fora, que fazer quando as apostas são feitas pelos partidos ?
    Resta sim fazer uma boa campanha, atingir os objetivos e trabalhar em prol do Distrito.
    Estive na campanha e foi isso que vi, daí o resultado.
    E pelo que vejo e ouço o distrito não tem sido esquecido.
    Criticar é facil.
    Também o faço mas quando vejo razão.
    Não tenho procuraçao, não sou nada na política, sofro é de um problema nos tempos de hoje : gosto de honestidade e justiça.

  6. João Espinho diz:

    @lelia – Por estarmos na oposição não podemos deixar de olhar para o que se passa no nosso Partido e ficarmos em silêncio. Quanto a campanhas, já fiz muitas, umas com sucesso, outras um verdadeiro fracasso. Nas últimas legislativas fui dispensado. Não me revia em nada daquilo. E, quando, numa ocasião esporádica, na rua, fui apresentado à candidata, não gostei nada, mesmo nada, do comentário que a senhora fez.
    Como costumo dizer, a luta continua.

  7. Zuca diz:

    Defintivamente a Dr Nilza nao sente qualquer empatia pelos eleitores do Baixo -Alentejo , dedicando o seu tempo na Assembleia da Republica a defender causa e valores de outros .
    , que nao aqueles do seu circulo eleitoral.De facto enquanto que o Bloco Central nao permitirem que seja alterada a lei eleitoral de forma a aproximar os eleitores aos eleitos iremos continuar a ter que conviver com situacoes identicas a esta.

Deixe Uma Resposta