Mai 11 2017

Começou o regabofe

Publicado por as 14:33 em A minha cidade

Alguém que comece a fazer contas.

Share

14 Resposta a “Começou o regabofe”

  1. Beja + diz:

    Isto quer dizer que o Vhils, um artista de prestigio e reconhecimento mundial vem fazer uma intervenção em Beja. Grande malha! Parabéns à organização!

  2. João Espinho diz:

    @beja – sem dúvidas. Mas compare os preços cobrados pelo artista noutras localidades.

  3. Beja + diz:

    As intervenções artísticas e o custo associadas ás mesmas, como o João bem sabe, não se comparam assim. Mas para o efeito dá jeito que assim seja, não é João?

  4. João Espinho diz:

    @beja – não, não é. Cada um dá o que pode. A CMB pode dar, felizes os convidados para a ceia.

  5. Tubérculo diz:

    O rocha sempre foi um mãos largas…

  6. Beja + diz:

    A Câmara?

  7. João Espinho diz:

    @beja – sim, quem mais tem disponibilidade financeira?

  8. anonimatrix diz:

    Essa é só uma… aiiiiiiiiiiiii caniiiiitaaaa… pouca vergonha!

  9. rojo diz:

    Siga o regabofe.
    Ney Matogrosso: 70 mil mais IVA, total 96100 euros.
    Quem traz o Matogrosso a Beja?
    A empresa DivulgaTerra Unipessoal, representada pelo sócio-gerente António Raposo, vogal da União de Freguesias do Salvador e Santa Maria e dos corpos sociais da Rádio Voz da Planície.
    Morada da empresa : Rua da Misericórdia, nº 4. A mesma da rádio.
    Quantos espectáculos já organizou esta empresa? Zero. este é o primeiro e logo com o Ney Matogrosso.
    O que é isto?

    http://www.base.gov.pt/Base/pt/ResultadosPesquisa?type=contratos&query=adjudicatariaid%3D718883
    http://www.base.gov.pt/base2/rest/documentos/272556

  10. Sol diz:

    Como é que o Comité Central do PCP, papa disto ???

    Com tanta gente séria lá dentro não existe ninguém com peso para denunciar estas golpadas.

  11. Vitor diz:

    Feliz a cidade que pode vir a ter obras de Vhils
    Existem noticias que não dão nenhum jeito à medíocre oposição que existe nesta cidade!

    “Vhils é um dos melhores do mundo na sua profissão com trabalhos de arte urbana, escultura e obras de intervenção desde Nova Iorque, Brasil, à China, passando por vários países europeus. Em Portugal existem obras suas em ruas de diversas cidades, principalmente em Lisboa.”

    PARABÉNS

  12. jony rock diz:

    Por este andar não me admirava de Beja vir a ter um cucharro gigante em cortiça feito pela Joana na praça, um busto do imperador rocha construído pelo escultor da ilha da madeira no castelo e uma manada de cavalos feitos em pedra do minho na rotunda do penedo gordo. Pelos vistos o dinheiro não é problema.
    AUTORIZO a Câmara a aproveitar estas ideias.

  13. Snoopy diz:

    Exato. Até se devia pagar muito mais ao artista Vhils por nos dar a honra de nos brindar, a nós cidade do interior, com uma obra sua. E pagar também mais do que € 96.000,00 a Ney Matogrosso por 90 minutos, e mais do que € 42.000,00 a Ana Moura por outros 90 minutos, etc… Os péssimos caminhos rurais do Concelho e a falta de gavetões no cemitério, por exemplo, que esperem! Isso conta lá para alguma coisa. O nosso IMI paga isto tudo!

  14. Ainda acredito no Alentejo diz:

    Justificado pelo artista VHILS ser natural da freguesia de Perre, vianense de gema.

Deixe Uma Resposta