Out 22 2016

Mário Simões

Publicado por as 11:40 em Geral

mario-arrependido

Mário Simões, entrevistado pelo “Diário do Alentejo”, diz várias coisas num umbigo insuflado de auto-elogios, esquecendo-se do mais importante. Simões colocou os interesses pessoais à frente dos interesses do Partido e da região. Isto é: Mário Simões teve a esperança de que Nilza de Sena fosse chamada por Passos Coelho a desempenhar outras funções e, assim, poderia ascender, por mais uma legislatura, a deputado. A geringonça acabou-lhe com o sonho e com a ambição.
Depois, ficamos saber que, quando tornar públicas as suas memórias, qual Arq. Saraiva, Simões vai revelar quem, em Beja, são os donos do PSD.
Se houver tempo e me sobrar paciência, voltarei a esta entrevista.

Share

13 Resposta a “Mário Simões”

  1. Vargas Herédia diz:

    O PSD de Beja tem donos?
    Tem donos há quanto tempo?
    Se o PSD de Beja tem donos, em que momento o estoico entrevistado, garroa da mudança, frontalmente avesso a tamanha decrepitude, se agigantou contra o poder instituído e ousou cuspir nos pergaminhos e rasgar os bolorentos títulos de propriedade?
    Se o PSD de Beja tem donos e o entrevistado lhes beijava o cachucho e afagava o pendão, a partir de que momento é que essas representações de sujeição e vínculo se tornaram um fardo tão difícil de suportar?
    Se o PSD de Beja tem donos e o entrevistado os vai revelar, vai fazê-lo em jeito de homenagem a tão distintos, porém pejosos correligionários, que só o pudor impede de se autorrevelarem?
    Suspeito que vou ter que ler a entrevista, se quiser encontrar a resposta para as minhas dúvidas.

  2. BÓBÓ diz:

    As competências , idoneidade , honestidade intelectual do Mário Simões estão expressas nas sucessivas votações que o PSD tem obtido no Distrito de Beja , quer em autarquicas quer em legislativas.
    Hoje quem é o verdadeiro dono do PSD em Beja é o João Rocha e o Partido Comunista.

  3. atento diz:

    60 mil euros para organização de 2 cimeiras daquela organização da CPLP onde o Simões agora se agarrou. É verdade que foi essa a verba que a Câmara de Beja ofereceu de mão beijada? Assim se percebe muita coisa.

  4. MARIA FLORES diz:

    @ atento—– a relação promiscua entre MS e JR / PCP mais uma vez demonstrada.

    60.000 € ??’????

  5. Tomatito diz:

    o Simões de facto tem uma enorme divida com a inteligência pois só passado 1 ano é que percebeu que o Passos Coelho e a Nilza gozaram com ele do principio ao fim.
    Na entrevista deveria também referir um C. Nacional do PSD em que chorou convulsivamente qual menina colegial.

  6. XXL diz:

    E ainda chora o ” leite ” derramado, ele que deu o poder ao PCP e à CDU, foi agora compensado indirectamente pelo apoio dado.

  7. atento diz:

    Para quem tiver pachorra de ler as actas das reuniões de câmara, encontram-se tesourinhos como este, vindos do sr Rocha. A propósito do apoio aos eventos do sr Simões, acta da reunião do dia 7 de Setembro, na página 6: “O Senhor Presidente da Câmara disse que tem algumas ideias, umas boas, outras más, em termos de contatos aquilo que assistiu correu bem e neste momento há contatos com diversas empresas, no entanto pensa que a localização e a forma não foram as melhores. Relativamente ao dinheiro investido e ao seu retorno respondeu que talvez sim ou talvez não, naturalmente que existem riscos mas tem de se apostar na divulgação da região, disse”.
    Como disse? Isto passou no programa do Herman José? Só pode ser anedota.

  8. João Espinho diz:

    @atento – tenho que ir ver essa. A última vez que consultei, só estava a última de Agosto. Esta vai para as (ex)citações. 🙂

  9. atento diz:

    E na mesma acta, sobre a empreitada de demolição do depósito da água, página 3 : “Foram verificadas irregularidades na instrução que obstam à sua normal tramitação e que implicam a nulidade do caderno de encargos, em concreto, a ausência de orçamentos. Face ao exposto propõe-se a anulação do procedimento de ajuste direto acima mencionado”.
    A pressa era tanta que até passaram por cima da lei e depois tiveram que voltar ao princípio quando a obra já ia adiantada.

  10. Tomatito diz:

    Cada um tem o que merece , e os Bejenses têm o que merecem pois foram eles que votaram no ROCHA e nos capangas.

  11. Maria vai com as outras diz:

    No fundo M. S. acaba por ter razão.
    O que na altura lhe parecia ser uma boa estratégia, acabou afinal por ser o seu fim em termos políticos.
    Agora também me parece redutora a frase de J. Espinho, que “Simões colocou os interesses pessoais à frente dos interesses do partido e da região.” sic…
    Pois parece-me que nos tempos que correm, se é que não foi assim sempre e com as habituais exceções, não sendo taxativamente o comportamento habitual dos deputados da Nação. Mas, primeiro estão os seus interesses pessoais e os do líder do partido que os elegeu, e depois lá atrás, lá bem atrás, os da região e das populações que os elegeram.
    Pelo que MS apenas terá falhado na defesa do partido, ou do líder do partido.

  12. Lidador diz:

    Os ratos começam a saltar borda fora… e este é a mais pestilenta ratazana do PSD Beja.

  13. Valentim diz:

    E depois admirem-se das taxas de abstenção nos sucessivos actos eleitorais!…São episódios mais ou menos tristes, como este, que descredibilizam a política em geral…o resto, são os escândalos habituais, a corrupção estimulada, as relações pornográficas entre a classe política e os interesses financeiros, o desejo de perpetuação no poder, a febre desenfreada pelo sucesso pessoal e familiar, etc, etc…
    Há uma crise no País sim, mas a sua maior expressão, encontra eco no comportamento da classe que dirige os nossos destinos, de modo impune e airoso, a acrescentar à ausência do exercício da cidadania e à indiferença (acomodação), da generalidade da população deste País!…

    O que se passa no nosso burgo, é apenas a expressão menor de uma peça teatral, com maus actores e péssimo argumento! E nós, não só assistimos confortavelmente sentados, como pagamos bilhete de entrada, com um sorriso nos lábios!…Talvez achemos que se trata de uma comédia barata, mas no final o preço é alto, para justificar riso tão desmedido!

    Porra!

Deixe Uma Resposta