Mar 01 2016

Regionalização na agenda

Publicado por as 10:22 em A minha cidade

bae

Está a dar os primeiros passos o “Baixo-Alentejo existe!!!” um Movimento nascido em Beja em defesa deste território.

Quem já disse que não quer saber destes movimentos é o PCP. Não surpreende.

No dia 3, Quinta-feira, às 21H00, o Movimento “Baixo-Alentejo existe” apresenta o seu manifesto. Na Casa da Cultura.

Share

4 Resposta a “Regionalização na agenda”

  1. ORLANDO diz:

    Mais uma martelada da Universidade de Évora na cidade de Beja.
    A propriedade que a UE detêm em Almocreva-Penedo Gordo , constituida por solos de óptima capacidade produtiva , irrigada pelo Alqueva , vai ser arrendada a Grupo Espanhol a troco de choruda renda , pelo periodo de 25 Anos.
    A propriedade que deveria ser utilizada para experimentação e divulgação junto dos Agricultores vai ser utilizada unicamente para captar receitas para a UE.
    O que dizem a ACOS , AABA , a CMB , o IPB , o NERBE , etc, etc ?

  2. luis miguel diz:

    O Alentejo existe !!! o Alto e o Baixo todos juntos !!!

  3. Manecas diz:

    Já que os politicos não atuam, força pessoal.
    Em frente marche.

  4. jorge marques diz:

    Sinceramente, deveria avançar a Região Baixo Alentejo, pois não temos nada a ver com o alto Alentejo, pois eu nunca trocarei o terreiro do paço pela praça dos giraldos, viva Beja capital!!!!

Deixe Uma Resposta