Set 08 2014

Jerónimo – um discurso à moda antiga

Publicado por as 15:27 em Geral

stalin_propaganda

Jerónimo de Sousa leu ontem um discurso que, percebe-se, foi escrito nos tempos da Guerra Fria, nos tempos em que a União Soviética dominava o leste da Europa.

Destaco esta parte: ”

    “Queremos então desta tribuna prestar uma homenagem e afirmar a nossa profunda solidariedade aos povos e às forças progressistas que estão no centro dos grandes combates do nosso tempo e que demonstram que é possível resistir, lutar e mesmo avançar. Aos povos do Médio Oriente que resistem às agressões, à chantagem da divisão sectária, às ingerências e conspirações do imperialismo. Em particular ao Povo da Palestina que simultâneamente mártir e herói, acaba de resistir a mais um hediondo crime do poder sionista de Israel.

    Solidariedade também forte e sentida ao povo ucraniano, vítima das conspirações do imperialismo para associar aquele país à estratégia imperialista, vítima de uma guerra do governo golpista e fascista de Kiev contra o seu próprio povo. Solidariedade que estendemos de forma muito particular aos comunistas ucranianos que enfrentam a perseguição política, o terror das hordas fascistas e a tentativa de ilegalização do seu Partido. Todos estes povos e forças estão na primeira linha da resistência a par com os povos de África a braços com vários conflitos e tentativas de desestabilização e colonização num continente massacrado por séculos de colonialismo e imperialismo. Daqui vai uma saudação especial à luta do povo do Sahara Ocidental pela autodeterminação e independência.”

Para ler na íntegra aqui

Share

24 Resposta a “Jerónimo – um discurso à moda antiga”

  1. joao diz:

    O seu reaccionarismo é que é à moda antiga …

  2. João Espinho diz:

    eheheheh, boa @joao

  3. Tira Borbotos diz:

    @ João Espinho – Tanta dor a tua rapaz…não tens melhoras!!!

  4. JO diz:

    Fónix… Queres ver que os comunistas até têm razão.
    O discurso não é à moda antiga. É mesmo actual. O Sr. João Espinho é que está a “dormir na forma”.

  5. mikefox diz:

    a falta de visão é uma patologia que tem tratamento

  6. Barrocas diz:

    Fosse este um espaço de debate “há séria” valeria a pena ver tópico a tópico deste discurso, onde é que ele é do passado e onde ele é, “infelizmente”, de uma tremenda realidade.

  7. serafim anjlo diz:

    É mais cego quem nao quer ver do quem nao ve!

  8. JERONIMO diz:

    Discurso do PCP permanece imutável.Nada muda .Só alguns paspalhos do PSD é que pensam que o PCP é um partido democrático.

  9. João Espinho diz:

    @barrocas – o que é ? ah, já sei, não precisa explicar. Avante!

  10. JR diz:

    Tocar nas feridas de alguns comunistas, faz doer !

  11. NG diz:

    Uma visão esclarecida e certa da actual situação no país e no mundo. Já quando se discutia a adesão de Portugal à CEE, os alertas lançados pelo PCP foram denegridos e desprezados. O tempo, veio dar razão às críticas comunistas …
    “O pior cego…”

  12. Der Kommunismus ist tot diz:

    Caro Sr. Espinho. O comunismo morreu. A Guerra Fria acabou. Lembre-se também o Sr. disso. Deixe lá a Guerra Fria no passado.

    Vivemos num mundo novo, unipolar, e a NATO cada vez mais se parece com um bando de piratas que se alimenta e enriquece com a deflagração de conflitos como o que foi engendrado às portas da Rússia. Aqui a NATO faz de bombeiro incendiário.

    Considere a possibilidade de, apesar dos arcaismos linguísticos do Sr. Jerónimo de Sousa, se encontram nos parágrafos que o Sr. Espinho transcreveu algumas verdades, e em particular nos que escolheu realçar a negrito.

    Peço-lhe que considere, em alemão, as seguintes três fontes: não são comunistas, nem lá perto. Espero que tire proveito e consulte também as suas fontes na Alemanha.

    General Kujat Keine Beweise für ein Invasion der Ukraine durch Russland
    https://www.youtube.com/watch?v=3CE2c39smF0
    Der NATO-General a. D. Hrald Kujat erklärt der Stern-Reporterin Gloger, die angeblich einen “Berg von Indizien” für eine Invasion Russlands in der Ukarine haben will, was Beweise sind und dass von regulären russischen Truppen nicht die Rede sein kann. “Wir müssen sehr vorsichtig sein auch bei dem was der Westen sagt.”

    Filósofo alemão chama “louco” a Rasmussen.
    https://www.youtube.com/watch?v=wGp4h7ZLaUA

    Comentário de Willy Wimmer, da CDU
    http://www.heise.de/tp/artikel/42/42709/1.html

    biografia de Wimmer
    http://de.wikipedia.org/wiki/Willy_Wimmer

  13. Tira Borbotos diz:

    @JR – Tome tino nessa cabeça. Veja o que está a acontecer a este país…será que também é culpa dos comunistas, não serão os grandes culpados os vira-latas do PS, PSD e CDS ?

  14. João Espinho diz:

    @borboto – você é o verdadeiro “cromo comuna”. Calculo que a cegueira o afecte de tal forma que nem sabe ler o que o Jerónimo proclamou.

  15. Tira Borbotos diz:

    @João Espinho – Cromo e cego ideológicamente é aquilo que tu és! Se assim não fosse, não colocarias constantemente visível essa mesma cegueira !!!

  16. Tira Borbotos diz:

    @João Espinho – Comunista não sou e tu conheces-me e sabes! Mas agora, já não tenho dúvidas da tua doença politica!!!

  17. serafim anjlo diz:

    Em relacao á posicao do P.C.P face á nao adesao á CEE de Portugal qual era a alternativa que propunham?! Ficarmos de fora tipo
    Albania ou aliarmos -nos com entao COMECON?! Ou talvez as hoje politicas patrioticas de esquerda…Falemos claro!

    Os comunistas tal como o PS,PSD e CDS tem feito parte do sistema que tem regido o país desde à quarenta anos!
    E nas autarquias onde tem dominado as coisas também nao sao assim tao maravilhosas como as pintam.Basta olhar para Beja!

    Todos sabemos que a situacao do país nao é a melhor mas,vivemos em liberdade.Sem ditaduras comunista ou fascista.
    Temos liberdade de expressao e,nao tememos que a policia politica nos acorde a meio da noite!!! Essa tranquilidade apesar de toda a retórica e ,propaganda os senhores do PCP nao nos podem garantir…

  18. JR diz:

    @ Tira Borbotos

    Nestes 40 anos de democracia quantos anos foram os comunistas governo em Portugal ?
    Convirá também questionar, fora algumas pastas onde tiveram pontualmente gestão, quais terão sido as razões porque não confiaram ao longo de décadas os portugueses no PCP ?
    Responda sff !

  19. João Espinho diz:

    @borboto- conheço-o? impossível, não conheço ninguém com esse nome. Adiante.

  20. Tira Borbotos diz:

    @JR – Respondo sim senhor! O que fizeram os governos que temos tido ao longo destes anos desde o 25 de Abril…Nada e todos tem telhados de vidro. Para mim, a politica é para os políticos e para os seus amigos.Vivemos num país do faz de conta e a politica é suja e corrupta. Dou um bom exemplo: Veja a luta interna no PS (até parece luta de galos pelo poleiro) e aqui pela nossa terra, alguns apoiantes de um e de outro, tem medo de vir a perder “tachos e panelas” no final da luta na capoeira. Espero que o meu caro não seja uma dessas pessoas receosas!!!

  21. Tira Borbotos diz:

    @ João Espinho – Conheces e bem! Vá lá que, em vez de dizeres adiante, poderias ter dito “Avante” como o tens feito várias vezes!!!

  22. deodato diz:

    não percebo esta reacção da comunagem unicamente porque o Espinho transcreveu fielmente a brilhante intervenção do querido lider.
    A comunagem na Festa do Avante adora ouvir a intervenção Estalinista do Jerónimo Sousa , mas quando a mesma circula livremente em blogs e orgãos de informação já consideram que estão a ser atacados. Afinal em que ficamos ?

  23. Jorginho diz:

    Deodato: Ainda não deste conta que nem toda a “comunagem” se revê no discurso do histórico lider do PCP?
    Aliás e se fizeres um pequeno esforço, talvez te lembres de uma corrente que existiu, que se designava por Renovadores.
    Pelo que, tal como aqui já alguém escreveu, porque é que não fazes um pequeno esforço, para evitar seres aquilo que de facto és, xenófobo.

    Uma coisa é criticar, ou bem diferente é fazer juizos de valores.
    Penso eu de que,…. e olha que eu não sou comunista, mas com atitudes como a tua, apetece-me dizer também “Ich bin ein Berliner”

    PS: Cuja tradução à letra, e por esse motivo peço a ajuda de J. Espinho, significa: Eu sou uma bola de Berlim.

  24. deodato diz:

    @ jorginho— mas os Renovadores eram Comunistas ? eu vejo-os desde o PSD ao PS e ao BE.Não os conseguindo descortinar no PC do Camarada Jerónimo , óbviamente não se poderão sentir atingidos por aquilo que escrevi.

    Essa treta da xenofobia é pura conversa de comuna , ou não se recorda quando todos aqueles que se opunham e discordavam do glorioso PC eram apelidados de reaccionários e miseráveis fascistas ? não seria xenofobia ?

Deixe Uma Resposta