Jul 10 2014

O dedo na ferida

Publicado por as 14:07 em A minha cidade

100720140010-161-PSDPCP
Enquanto o candidato Pinela Fernandes se remeteu a um absurdo silêncio, Freitas Jorge apresentou na Radio Pax as linhas mestras da sua candidatura e pensamento político, donde se destaca que “não se revê na coligação estabelecida entre os Social Democratas e os Comunistas nas Freguesias da cidade”. “No entender de Freitas Jorge, o PSD poderia estabelecer “acordos pontuais” com os comunistas, nunca coligações. Freitas Jorge lembra que “é muito o que divide” PSD e PCP. O candidato acrescenta que há razões históricas que inviabilizam coligações com os comunistas.”.
(ler aqui)

Ler também aqui

Share

6 Resposta a “O dedo na ferida”

  1. MARIA FLORES diz:

    totalmente de acordo com o Dr. Freitas Jorge , o PPD/PSD deverá ter um caminho independente de outras forças politicas , lutando sempre pelos valores da Social- Democracia , da liberdade , da solidariedade e da justiça social.O PPD/PSD nunca pode ser muleta de ninguém , tem que estar sempre na linha da frente com autonomia e liberdade .
    Para isso terão que ser sempre os militantes mais capazes , mais competentes e possuidores de total idoneidade.
    Agora aqueles que se aliaram ao PCP numa série de Instituições locais , e que servem de apoio a esta miserável gestão de João Rocha na CMB, não têm qualquer idoneidade para assumirem os destinos da Concelhia de Beja.

    VIVA A JSD
    VIVA O PPD/PSD

  2. JR diz:

    A opção é fácil para os militantes mais do mesmo ou votar Freitas Jorge que publicamente já assumiu não tolerar coligações antagónicas com o PCP / CDU e o mal que tal acarreta à democracia bejense, em que os interesses materiais têm prioridade perante tudo o resto.

    Será que o Passos Coelho e o PSD nacional tem conhecimento desta caricata situação ou por omissão a apadrinham, qualquer delas é muito grave !

  3. anica diz:

    acabei de ver a composição da lista de Pinelo Fernandes. De candidatos só falta o cão e o gato de Fernanda Caimoto , a qual consegue arranjar , para ela própria um lugar inexistente estatutariamente que é a de secretário-geral.

  4. Maria vai com as outras diz:

    Maria Flores, já agora e de forma a que fiquemos informados sobre o seu pensamento, pode-nos dar a sua opinião sobre a gestão do PS dos últimos quatro anos à frente da autarquia de Beja?

  5. MARIA FLORES diz:

    @ MARIA —- mas o que tem a gestão de JPV a ver com as eleições do PSD ?

    Fale antes dos trinta e muitos anos de Gestão do PCP .

  6. Maria vai com as outras diz:

    MARIA FLORES: Não precisa de dizer mais nada. Pois já demonstrou o eu lhe vai na alma.
    Pobre PPD/PSD que apenas serve tapete para lhe passarem por cima e o pisarem ou lhe limparem as botas. Uns e outros.

Deixe Uma Resposta