Jun 02 2014

Os habituais erros do PCP

Publicado por as 13:23 em A minha cidade

Os comunistas não querem saber de protocolo e detestam as boas maneiras e a etiqueta. Por isso não é de estranhar que isto tenha acontecido.
Avante!

medalhas beja
foto: radio pax

Share

15 Resposta a “Os habituais erros do PCP”

  1. Rochinhas e rochetes diz:

    O caso é muito mais grave, dado que foi intencionalmente que o actual executivo não só não convidou a Assembleia Municipal como informou na véspera ao fim da tarde os vereadores do PS e só no final da cerimônia a secretária do JR os convidou para o almoço que se seguiu.
    Os atropelos de JR são diários e constantes, basta ver que não dá qualquer resposta aos pedidos de informação e requerimentos dos vereadores do PS e dos eleitos da AM.

  2. JR diz:

    Vergonhas democráticas que mais parecem atitudes de ditador.

    Eu quero, posso e mando.

  3. máfia vermelha diz:

    Este filme foi e continua possível em Serpa pela “compra” da oposição, inclusive PS. O Rocha e os rochinhas (os rapazes que o rodeiam) durante anos fizeram em Serpa e agora aqui. Claro que a Lei não conta….. muito menos o protocolo, o único receio que tenho não são as palhaçadas/eventos…. antes que pela pressão/corrupção compre a oposição, já o fez com o PSD e com meia dúzia de PS’s. As oposições são sempre boas para não se ultrapassar os limites legais, ou não sr. comunista?

  4. Jorge Santos diz:

    Acho uma certa piada a estes e outros protocolos.
    Ou seja, não se gramam nem com molho de tomate, e depois nos eventos sociais têm que aparecer juntinhos como grandes amigos.
    Para quê e porquê?

    É a hipocrisia dos nossos politicos, disfarçada de boas maneiras e etiquetas.
    Porque não deixá-las para os ingleses ?

  5. maria flores diz:

    eu diria antes : falta de educação.

  6. João Espinho diz:

    @j santos – Não confunda cerimónias oficiais com eventos sociais.

  7. Manuel d'Cunha diz:

    J. Espinho, por inerência da tua profissão, levas estas coisas muito a sério.
    Mas já agora, e não tendo nada a ver com as guerras intestinais dos nossos autarcas, e sobretudo quais é que são ou não são os educados.
    Se nessas cerimónias oficiais alguém que foi convidado, não queira lá ir e se faça representar por outra pessoa. Aí também se poderá falar de falta de boas maneiras e de etiqueta, ou não?

  8. jj diz:

    Mas quem é que teve a infeliz ideia de ir desinquietar o homem para ser presidente da câmara de Beja? Depois de mais de 30 anos de reinado absoluto em Serpa o que ele queria era uma reforma sossegada e o seu sonho era ser presidente da Casa do Benfica de Serpa para ir assistir aos jogos do glorioso no estádio da Luz.
    Agora temos de aguentar o seu poder absoluto em Beja até 2017. Ou até que ele se chatei e vá embora.
    Beja não merece este presidente.

  9. João Espinho diz:

    @Manuel d’Cunha – de forma simples, explico: Nas cerimónias oficiais são convidas entidades e , ocasionalmente, indivíduos a título particular. As entidades, não tendo possibilidade de estarem presentes, informam a entidade anfitriã de que se farão representar. O bom senso é a regra e o protocolo serve para auxiliar. Mais algum esclarecimento?

  10. Manuel d'Cunha diz:

    J. Espinho: Responder especificamente à questão levantada.
    “Se nessas cerimónias oficiais alguém que foi convidado, não queira lá ir e se faça representar por outra pessoa. Aí também se poderá falar de falta de boas maneiras e de etiqueta, ou não?”

    Penso no entanto que devo complementar com o seguinte.
    As relações PCP versus PS na autarquia de Beja estão bem azedas. De que é prova o que aqui se escreve neste blog. Aproveitando cada uma das partes por atingir com tudo o que tem à mão o seu adversário. De parte a parte. Não me parecendo a mim, que uns sejam cpnsiderados os bonzinhos e os outros os mauzinhos da fita.
    Daí que tentar defender uns com argumentos ptocolares ou educaionais, parece-me algo redentor. Até porque se fosse há alguns séculos atrás, andariam todos armados e a matarem-se uns aos outros.

    Assim, não tenho dúvida alguma, que há que por um ponto de ordem à mesa, e que as duas facções devem falar de forma menos acintosa e dedicarem-se sobretudo áquilo para que foram eleitos. O bem estar dos cidadãos e o efetivo desenvolvimento da cidade e da região.

  11. FIDEL diz:

    Se olharmos para o Mundo , não será difícil de constatar que Países com ideologia idêntica á defendida pelo PCP são sinónimo de subdesenvolvimento económico , social e cultural.
    É óbvio que estes ortodoxos comunistas de Beja não fogem a esta realidade.
    Se o Rocha e camaradas pudessem nem oposição existiria pois provavelmente estariam no cemitério , nem reuniões de Camara /Assembleia , nem aturariam essas pseudo Associações Culturais. OU PENSAM QUE ESTA GENTE TEM VALORES DEMOCRÁTICOS ?

  12. Maria vai com as outras diz:

    Fidel: Até mesmo nesses paises, como é o caso do teu/Cuba, as coisas embora devagar estão a mudar.
    E olha que o PCP deu uma lição de democracia nestas ultimas eleições europeias aos outros principais partidos, ao nomear para os lugares elegiveis, jovens e quase desconhecidos.
    Situação que não aconteceu em mais nenhum, em que as oligarquias e os históricos ocupam sempre os lugares de poder, impedindo quem que seja de subir nas suas estruturas, porque primeiro estão eles e sempre eles.

  13. Chato diz:

    Maria vai com as outras: mas isso conteceu porque o PCP começa a não ter ninguem e tem de recorrer aos estranhos (quem são? o que fizeram? porque têm mérito para lá estarem? Não faço ideia…. Na verdade, ninguém faz!) Além disso, se as coisas estão a mudar é porque as pessoas estão fartas de tanta hipocrisia, tanta DITADURA! Veja o caso do massacre de Tiananmen: morreram milhares de pessoas e o governo chinês continua a dizer que não morreu ninguem e, na verdade, tudo o que falam desse dia não aconteceu e é falso… pois claro!

    Isto tudo para dizer que, as ditaduras são más (obviamente), o comunismo, da forma como é praticado e defendido é mau (obviamente), que estes comunistas em particular em Beja são do pior que há (para não dizer outra coisa) e esta falta de respeito por TODAS as pessoas DEMOCRATICAMENTE eleitas (independentemente do partido que representam), foram desrespeitadas e automaticamente, todas as pessoas que não votaram PCP foram desrespeitadas… Pura e simplesmente.

    Respondendo ao Fidel: regimes ditatoriais não têm valores democráticos (obviamente).

  14. Zé da Fisga diz:

    @Chato – Neste caso concreto, os munícipes que votaram CDU para a Assembleia Municipal de Beja também foram desrespeitados. Se percebi bem esta situação, parece que ninguém foi convidado. Não é portanto uma mera questão político-partidária mas sim uma falta de respeito para com a AM no seu conjunto, inclusive para com os eleitos (e os eleitores) da CDU.

  15. Chato diz:

    @ Zé da Fisga: obrigado pela correcção e chamada de atenção. Reafirmo tudo o que disse, colocando no mesmo saco os eleitos do PCP! (quem diria…nem para eles próprio são bons…!!)

Deixe Uma Resposta