Mar 10 2014

Beja e os comboios

Publicado por as 10:51 em A minha cidade


foto: joão espinho

O PS de Beja entrega no sábado, dia 15, em Lisboa, nas sedes nacionais da CP e da REFER, cartas dirigidas aos conselhos de Administração das duas empresas, com contributos para a melhoria da qualidade de transporte de passageiros de e para o Baixo-Alentejo.

A comitiva que se vai deslocar a Lisboa, no sábado, é constituída por pessoas do PS, simpatizantes e todos os que se quiserem juntar-se a ela. (ler notícia)

Este é um dos casos em que podemos dizer que o PSD de Beja anda a ver passar os comboios.

Share

8 Resposta a “Beja e os comboios”

  1. Rochinhas e rochetes diz:

    E o que dizer do movimento de pretensos cidadãos independentes “Beja Merece” tão ativo durante o mandato anterior e que agora se remeteu a um silêncio comprometedor, quer relativamente aos comboios, quer as outras acessibilidades, museu regional, património de beja, saúde, educação,…foi só sair a “mãozinha” do PCP que só queria era fazer oposição ao anterior executivo e os restantes elementos do movimento desistiram do combate e da paixão por Beja, ou será que a situação melhorou e os problemas já estão resolvidos?
    Se calhar Beja, infelizmente, tem finalmente e outra vez o que merece…

  2. Maria vai com as outras diz:

    Os meus parabéns ao PS de Beja.

    Foi pena é não se terem lembrado desta iniciativa, quando eram governo. E quando foi eletrificada a linha de Évora a Lisboa.
    Será caso para dizer, “mais vale tarde, do que nunca”.

    Mas há-que olhar em frente. Pelo que renovo os meus parabéns ao PS.
    E concordo com a critica de J. Espinho ao PSD.

  3. MONTES diz:

    Na sequência do grande espirito de colaboração existente entre o PSD e o PC , consubstanciado pela aliança nas Juntas da cidade de Beja , o Vereador Picado já exarou despacho através do qual cede gratuitamente os autocarros da CMB para transportar os militantes do PSD que naquela data se queiram deslocar a Lisboa.

  4. MONTES diz:

    Segundo informação obtida neste momento , os militantes do PSD serão recebidos em Lisboa pelo Eng. Carlos Moedas , o qual além de fornecer o almoço , irá dar contas acerca do intenso trabalho que tem tido na defesa das ligações ferroviárias e rodoviárias á Capital do Distrito que o elegeu , além do extraordinário trabalho já concluido na instalação de diversas empresas no Aeroporto Internacional de Beja.

  5. black sheep diz:

    Uma boa iniciativa para marcar a agenda política. Assim, o PS de Beja coloca-se na linha da frente pela defesa da ligação ferroviária entre Beja e Lisboa, através duma acção criativa e construtiva.
    Não vou emitir juízos de valor àcerca do movimento “Beja Merece”. Apenas deixo a minha interrogação sobre a sua inesperada acalmia nos tempos mais recentes.

  6. Toy da Salvada diz:

    Muito bem.
    Sobre isto, estamos contentes aqui na Salvada.
    Inovação e iniciativa, a capear um tema importante para a cidade e para a região.
    Parabéns ao PS.

    Muito mal.
    Sobre isto, estamos tristes aqui na Salvada.
    Logro e instrumentalização são duas palavras que vão ser acrescentadas ao movimento que chegou a granjear esperança e ajudar a sonhar com uma alternativa diferente. Beja não Merece – mais um feudo do PC que depois de fazer o seu trabalho entra em hibernação até ser ressuscitado quando fizer falta ao partido, não ao povo.

  7. João Atento diz:

    O PS quando não está no governo, é mesmo maravilhoso na defesa dos interesses das populações, dos pobres e explorados do capitalismo.
    Pena só que seja o partido que está mais tempo no poder neste país.
    E depois quando lá está… faz o mesmo que os outros.
    Ora, bolas!

  8. lição de tango diz:

    @João Espinho – O PSD de Beja ainda existe? Parece-me bem que não, desde a saída de JP Ramôa e a entrada de Mário Simões que o PSD de Beja é um logro, à semelhança do PSD nacional e do ex-deputado Carlos Moedas que tem sido uma verdadeira nulidade na defesa dos interesses dos baixo alentejanos, ele também não é mais do que a voz do dono (passos coelho, com letra bem pequena).
    E, infelizmente, como já aqui alguém o referiu, e com razão, os partidos (PS e PSD) só se lembram do Baixo Alentejo quando estão na oposição, quando estão no poder, somos um distrito que dá poucos votos e por isso não vale a pena defender os interesses desta região que também são os interesses do país, o país só tem a ganhar com um Baixo Alentejo desenvolvido a todos os níveis. O Baixo Alentejo é uma das regiões do país com maior potencial de crescimento, Alqueva, porto de Sines, clima, gastronomia, as suas gentes, é só o poder político dar-nos as condições que necessitamos e merecemos.

Deixe Uma Resposta