Fev 10 2014

Não lhes bastou em 74/75

Publicado por as 9:55 em A minha cidade

reforma agrária
foto: alvitrando

Depois dos assaltos , roubos e destruição das terras, os comunistas bejenses querem agora evocar a Reforma Agrária. Calculo que as evocações tenham lugar nos diversos locais que sofreram com a fúria do PCP no Verão de 75.
As vítimas da dita Reforma obviamente que não terão direito a pronunciar-se.
40 anos depois, Beja reaviva feridas que, não estando saradas, não se deseja que regressem.

Share

5 Resposta a “Não lhes bastou em 74/75”

  1. Rato dos Pomares diz:

    Fora com os agricultores, a terra a quem a trabalha? Decidam-se porra!

  2. se eu pudesse... diz:

    Isto realmente é uma tristeza.
    Não bastou as condenações internacionais, que mesmo assim acham que fizeram uma obra exemplar, digna de ser comemorada.
    Enfim, acho que Beja caminha a passos largos para a Era Paleolítica, tal o regresso a que assistimos.

  3. JR diz:

    Neste domingo almocei em Lisboa com familiares e por pura coincidência no mesmo restaurante com figuras públicas inerentes à causa citada com ministro Álvaro Barreto da Reforma Agrária, a mãe do Paulo Portas a sra. Sacadura Cabral e o tal de Nicolau Brayner ( concorreu em tempos passados a Serpa pelo CDS / PP ) e que fez campanha autárquica em Beja pelo comunista João Rocha agora ( já passaram semanas ) ausente da câmara de Beja por chamados motivos de doença e vá lá saber-se porquê …

    Se tivessem a oportunidade de verificar visualmente o diálogo dos últimos dois e os cumprimentos do 1º perante os demais era a democracia em pleno e ao vivo, quem os viu e quem os vê neste enquadramento de REFORMA AGRÁRIA e a volta que o mundo e as pessoas dão passadas décadas, e o esquecimento de que têm em relação a ocupações, roubos e posse de bens que não lhes pertenciam …

  4. CSS diz:

    JR — cá por Beja até temos uma catrefada de gente que se diz hoje do PSD , e que era ocupante de propriedades , e que assaltavam a sede do PSD de cada vez que havia comicio.
    Ainda se admira de alguma coisa , eu não-

  5. justiça diz:

    Será que iremos ver os srs Castro e Brito e Luís Serrano à frente de manifestações a favor da reforma agrária? Talvez, se os seus interesses forem salvaguardados…

Deixe Uma Resposta