Out 07 2013

Como nuvens pelo céu

Publicado por as 22:52 em Geral

O Estado vai gastar mais de 300 mil euros em meios aéreos estrangeiros que combateram nos incêndios deste ano. Meios que Portugal solicita a outros países e pelos quais já pagou milhões de euros nos últimos anos. A Força Aérea Portuguesa continua sem ter um único meio de combate directo às chamas, como por exemplo um canadair.

Share

Uma Resposta a “Como nuvens pelo céu”

  1. João André diz:

    Uma correcção, João. A FAP tinha, e creio que ainda tem dois tipos de combate directo. Os baldes BAMBI para os helicópteros, e o sistema MAFFS para o C-130. O problema é que, resultado de lobbies e (claro) interesses de alguns, a FAP não pode, por lei, participar em combate directo de incêndios. Claro está, as empresas precisam de fazer dinheiro…

Deixe Uma Resposta