Set 26 2013

Uma pergunta

Publicado por as 19:10 em autárquicas 2013

Que não sei se já foi feita e quais foram as respostas:
Os cabeças de lista à Câmara M. de Beja, no caso de não serem eleitos como Presidente, assumirão os cargos de vereadores? Ou virarão costas à CMB?
A caixa de comentários está aberta aos candidatos.

Share

6 Resposta a “Uma pergunta”

  1. Jorge pulido valente diz:

    Boa noite. Eu sempre assumi e continuo a assumir que, caso nao seja eleito como presidente, tomarei posse como vereador e cumprirei o mandato até ao fim. Jorge Pulido Valente

  2. Celso diz:

    Acredito que o candidato da cdu, caso perca, também tome o seu lugar de vereador na C.M. de Beja. Aliás, como é habitual nos candidatos que a cdu apresenta em Beja. Naturalmente que, para comparecer às assembleias e ocupar o lugar, terá que saber onde se situa a Câmara. E sobre isso, depois de assistir ao debate de segunda-feira, tenho até dúvidas se ele já alguma vez na vida foi a Beja.

  3. Zé LG diz:

    Assumirei as funções que os bejense entenderem confiar-me. José Lopes Guerreiro

  4. Bejense diz:

    O camarada comunista João Rocha já disse publicamente que com a reforma que tem como presidente de Serpa, não assumirá a pasta como vereador para ganhar apenas as senhas de presença.

  5. Mafalda G Veneta diz:

    Esse artista não vai ficar como vereador da oposição, OBVIAMENTE, até porque já papou tanto da Câmara de Serpa que prefere sopas e descanso. Até porque, pior do que não conhecer Beja e de não ser de cá (nem sequer do Alentejo), só mesmoo ar de frete que tem feito sempre que aparece em algum local com os seus mutachos saltitantes.

    Vai fugir como fez o Chico Santos. Ponto final

    (se calhar é melhor começar a fazer as malas)

  6. João Pedro Caeiro diz:

    Bom dia, João.
    Peço desculpa por não ter respondido mais cedo a esta tua questão.
    No que a mim respeita, naturalmente que assumirei o cargo de vereador. Da forma como eu vejo a vida política, julgo que quem quer efectivamente trabalhar em prol de toda uma população fá-lo quer sendo presidente quer sendo vereador.
    Aproveito a ocasião para responder a alguns dos teus seguidores neste blog relativamente ao voto útil. Para mim, o voto útil não é votar nuns com medo dos outros. É votarmos naqueles que acreditamos podem fazer o melhor pelo nosso concelho, é votarmos naqueles que colocam os interesses de toda uma população acima dos interesses pessoais e é ainda aquele voto que evita uma maioria absoluta que nestes 2 últimos mandatos, quer com a CDU quer com o PS, tem demonstrado tão maus resultados.
    Desejo boa sorte a todos os candidatos.
    Um abraço,
    João Pedro Caeiro

Deixe Uma Resposta