Set 19 2013

das autarquias

Publicado por as 13:30 em autárquicas 2013

Transcrevo comentário deixado aqui:

“As autarquias, tal como as conhecemos hoje, já duram há cerca de 170 anos e o seu atual modelo de funcionamento há 40 anos. Logo, seria lógico e razoável, que se encetasse uma reforma estrutural das ditas, face aos novos desafios das sociedades de hoje.
Mas não, embora podre, corrompido e desproporcionado, o sistema mantêm-se por si próprio, fruto de uma série de interesses estabelecidos, que nenhum dos intervenientes, e sobretudo o Poder Central, ousa por em causa, e que muito bem foram descritos por Alberto. Embora ele tenha sido faccioso, pois não são apenas apanágio de um único partido ou de uma única pessoa, como ele queria nos dar a entender, são a regra de uma forma geral.
Ou seja, há muitas, muitas pessoas que dependem dos partidos que apoiam, para resolverem os seus problemas económicos e familiares. Daí que se aquele em que apostaram perde, é toda uma família que se vê privada da sua qualidade de vida ou até da sua subsistência.
Assim, não admira que certas pessoas percam mesmo as estribeiras e não se consigam conter de forma alguma.
E quem são os outros, que porventura tenham tido mais sorte na vida e não precisem dos partidos e das eleições, para poderem criticar quem quer que seja só porque perdeu o seu autocontrole?”

Share

2 Resposta a “das autarquias”

  1. bejense diz:

    Concordo com o comentário da Maria vai com as outras. Não há partidos santos, todos têm telhados de vidro. Então no bloco central é um fartote. Vão às listas do PS no distrito e vejam a quantidade de candidatos que trabalha no Instituto de Emprego e na Segurança Social. E não vamos mais longe, em Beja vejam um novo serviço criado pela segurança social e pela câmara, chamado Mais Futuro. Em cinco técnicos, um é candidato do PS a uma junta de freguesia e outra é a filha de outro candidato do PS a outra junta. E estes são apenas os conhecidos. Serão apenas coincidências? Não acredito.

  2. AAA diz:

    @ bejense

    As pessoas não podem ter posto de trabalho, não podem ter filhos empregados, não podem ser candidatos e não podem ser do PS ?
    Nos outros partidos como é ?
    Quer que lhe digam quantos filhos e filhas de ex-funcionários e eleitos do PCP / CDU existem na câmara municipal de Beja, dezenas !

Deixe Uma Resposta