Ago 06 2013

Beja – Partidos ordenados nos boletins de voto

Publicado por as 15:55 em autárquicas 2013

ordem-boletim voto beja
imagem: RVP

PS, PSD/CDS, CDU e “Por Beja com Todos”. É esta a ordem em que, no concelho de Beja, vão aparecer no boletim de voto as forças partidárias concorrentes às eleições autárquicas. (ler aqui)

Share

18 Resposta a “Beja – Partidos ordenados nos boletins de voto”

  1. TRONGA diz:

    Onde se pode consultar a lista de candidatos ?

  2. João Espinho diz:

    Julgo que as listas estão afixadas no Tribunal. Se não estão, deveriam estar.

  3. F@ce to f@ce diz:

    Tirar a limpo as candidaturas ao concelho de Beja :

    Todos os 4 concorrem à câmara municipal e à assembleia municipal

    Partido Socialista e CDU / PCP – PEV, concorrem ambos a todas as 12 novas juntas de freguesia e assembleias de freguesia

    Coligação PSD / CDS – PP, concorre apenas e só a 3 freguesias ( 2 da cidade e à de Beringel / Mombeja ) e respectivas assembleias

    Movimento Por Beja com Todos ( leia-se também Bloco de Esquerda ), concorre a 5 freguesias ( 2 da cidade, S. Matias, Neves e Baleizão ) e assembleias

    Análise dos nomes dos cidadãos candidatos são importantes e não será importante perguntar o porquê da coligação governamental não ter tido capacidade de arranjar disponibilidades humanas para concorrer à totalidade do concelho, tem a palavra o líder distrital Mário Simões.

    Ficaram sem opções os eleitores das freguesias : Salvada / Quintos, Cabeça Gorda, Alfundão / Trindade, Sta. Vitória, Trigaches / S. Brissos ?

  4. TRONGA diz:

    @ F@oce — é óbvio que para essas freguesias o Simões não arranjou candidatos.
    Como em Barrancos também não arranjou candidatos para a Camara , apresentando unicamente á Assembleia Municipal uma lista com pessoas de fora.
    O caso de Mertola é outro falhanço claro , sendo necessário que um dos seus homens de mão vá oferecer o corpo ás balas numa candidatura á Camara Municipal.
    A lista apresentada á CMB é também muito pobrezinha.

  5. Celso diz:

    @F@ce

    – É de propósito ?

  6. tigre alentejano diz:

    Porque são as listas pobres em quantidade e qualidade?
    As pessoas com alguma capacidade e competência não querem saber de politica ou já fugiram destas paragens.
    A cidade está deserta de ideias e pessoas, este processo que se iniciou à décadas (nunca se fixaram pessoas nem empresas) teve agora um aceleramento pela crise geral.

  7. J.J. diz:

    Pelos vistos ainda muita água vai correr pelas ribeiras…

    Retirado do blog Alvitrando:

    “O Bloco de Esquerda vai apresentar pedidos de impugnação de 11 candidaturas autárquicas no âmbito da lei de limitação de mandatos.
    Em declarações à agência Lusa, o coordenador autárquico do Bloco de Esquerda, Pedro Soares, explicou que, entre hoje e quarta-feira, vão ser entregues pedidos de impugnação de candidaturas nos concelhos de Alcácer do Sal, Aveiro, Beja (dois candidatos), Castro Marim, Évora, Guarda, Lisboa, Loures, Porto e Tavira.
    Pedro Soares referiu que, caso o pedido de impugnação seja rejeitado, pode ainda ser realizada uma reclamação, também junto do tribunal da respetiva comarca, seguindo-se um eventual recurso para o Tribunal Constitucional, em última instância, que terá 10 dias para decidir.

    O caso de Beja é o único onde há duas candidaturas visadas: o antigo presidente da Câmara de Serpa João Rocha (CDU) e o atual autarca Jorge Pulido Valente (PS), que cumpriu antes dois mandatos em Mértola.
    …..” sic.

  8. bejense diz:

    F@ce você que é tão bem informado e não sabe que a nova freguesia é Santa Vitória-Mombeja e não Beringel-Mombeja? Beringel continua sózinho. Os seus amiguinhos do Beja Capital não o esclareceram?

  9. F@ce to f@ce diz:

    @ bejense

    Só não erra quem não é humano

  10. bejense diz:

    Tem razão F@ce. Pensei que tivesse sido influenciado pela Propaganda Aberta, perdão Semana Aberta que teve lugar em Beringel e Mombeja.

  11. Celso diz:

    @F@ce

    – Como se chamam os habitantes de Alfundão ? Eu sei que começa por Al, que é mais Fundão do que Covilhã, até porque se encontra num buraco, mas mesmo assim gosto muito do nome da minha aldeia. Mesmo sabendo que ela necessita de muitas obras que ainda não foram feitas por manifesta incompetência, de certeza que uma delas não passa por um baptismo.

  12. elvira diz:

    acabei de ler o curriculum vitae do candidato do PS a junta de S. João Batista , publicado no FACEBOOK da BEJA CAPITAL.
    De imediato me lembrei das omissões do curriculum do EX-Secretário PAIS JORGE.

    O Prof. Sardica terá vergonha de dizer que é Professor Primário com o curso tirado no ex- Magistério Primário DE BEJA , e ainda que trabalhou num Banco?
    Com que cara é que pedirá o voto dos PROFESSORES E DOS BANCÁRIOS ?
    sERÁ PREFERIVEL VOTAR NO MIGUEL RAMALHO

  13. João Espinho diz:

    @elvira – mázinha 🙂

  14. Paulo Nascimento diz:

    @Elvira

    Isso não se faz. Se queres que votem no Miguel Ramalho , deves apontar as virtudes do mesmo. E respeitar os outros adversários.

    Aliás não vejo nenhum mal no facto de ter tirado o curso no magistério e de ter trabalhado num banco.

    Já agora , ficamos a aguardar as coisas boas que tenhas a apontar ao Miguel Ramalho.

  15. Zeze Camarinha diz:

    Então mas onde esta o mal em nao ter sido referido que o candidato foi professor e bancario???? Mau, mas mesmo muito mau são os curriculos de alguns deputadozecos que, durante muito tempo, referiam que eram licenciados em Direito quando na verdade nao o eram… isso sim e mesmo muito mau, fazerem-se passar por aquilo que, de facto não são…pavões…

  16. CC diz:

    @ Elvira

    Miguel Ramalho é swap ou seja lixo tóxico !

  17. elvira diz:

    CC
    Ninguem, mas ninguem mesmo, tenha duvidas que o M. Ramalho será um óptimo Presidente de Junta.
    Até está a pensar montar uma Escola de Boxe .

  18. Pedro diz:

    A ordem das opções de voto deveria ser aleatória em cada boletim(a invés igual em todos os boletins), por forma a eliminar a influencia do resultado pelo “efeito padrão”, segundo o qual a distribuição dos elementos cria uma percepção de hierarquia, que será tendenciosa, beneficiando os elementos de topo.
    Este fenómeno acaba por influenciar de forma clara os indecisos e os mais idosos na altura do voto.

    Fica aqui a referência a alguns dos vários estudos sobre este fenómeno:
    http://www.uvm.edu/~vlrs/PoliticalProcess/ballotordereffects.pdf

    http://insight.kellogg.northwestern.edu/article/first_among_equals

    http://www.thelantern.com/mobile/2.1345/name-placement-on-ballots-influences-number-of-votes-1.108569

Deixe Uma Resposta