Jul 15 2013

Função pública: de emprego garantido a despedimento em saldo face ao privado

Publicado por as 16:01 em Geral

Segundo uma peça no Diário de Notícias, o pacote legislativo preparado para regular a mobilidade, indemnização por despedimento e subsídio de desemprego junto a funcionários do estado que venham a ser dispensados é claramente mais económico para o patrão (neste caso o Estado) do que o estabelecido para a generalidade dos trabalhadores do privado, em situações comparáveis.

A comparação feita pelo Diário de Notícias toma por base o exemplo de um trabalhador com 55 anos, 35 anos de desconto e salário de €1.500.

Segundo o diário, um trabalhador do privado com este histórico e que seja despedido receberá, no mínimo, por lei, uma indemnização de €52.500 ao mesmo tempo que receberá o subsídio de desemprego (de €1.048) durante 3 anos, podendo aposentar-se aos 57 anos.

E o que acontecerá a um trabalhador do sector público que seja despedido?

(leia mais aqui

Share

4 Resposta a “Função pública: de emprego garantido a despedimento em saldo face ao privado”

  1. Paulo Nascimento diz:

    A sério ? … não acredito…. logo o Passos, esse mosso tão sério e de confiança .

    Isto só pode ser mentira…. Eles só querem o melhor para portugal .

    João, logo tu, que até postaste o link para aquele video motivacional que iria passar na tv … todos precisamos de trabalhar mais pela pátria (e coisa e tal)

    Só pode ser mentira, difamação, ….. devem ser esses gajos do Bloco e do PCP que estão a difamar o governo pelo qual tanto Português votou…

    Esses esquerdistas estão em todo o lado, basta ver o batalhão de comentadores nas tvs, a falarem mal Troika e do Passos e do BPN (esse banco que tanta riqueza criou em Portugal , e que o grupo Galilei tem gerido com afinco)

    Nas Tv´s , nos Jornais, e nos Blogs… Até a Praça da Republica já foi sequestrada.

    O João Espinho deve ter sido sequestrado… LIBERTEM O JOÃO !!!!! seus comun… comum… comunist….

    Ou isso ou o João está a ver o seu ganha pão em risco.

    ..

    antes tarde do que nunca

  2. João Espinho diz:

    @Paulo – tens tomado a medicação na dose certa? Vê lá se é necessário receitar uma dose mais forte 🙂

  3. tigre alentejano diz:

    O publico foi e ainda é melhor em todos os DIREITOS face ao privado, perguntem aos recibos verdes e contratados de meses ou semanas?
    Para despedir, é uma brincadeira para um patrão por na rua, enquanto no publico, cheio de “direitos” é quase impossível.
    Estes dados são falsos face à realidade.

  4. Jamilo da Purificação diz:

    É de facto muito complicado ter valores e acreditar na Pátria e nesta coisa insipida e inodora, embora por vezes cheire mal que se farta, e a que se dá o nome de Democracia.

Deixe Uma Resposta