Abr 08 2013

O que Passos Coelho anunciou

Publicado por as 12:04 em Geral

passos coelho 7 de abril 2013
foto: daqui

Foi a melhor e mais eficiente comunicação de Passos Coelho desde que é Primeiro- Ministro. Não deixou margens para dúvidas: “não há dinheiro!”. Haverá muita gente que não entendeu a mensagem, pois estava à espera que Passos Coelho prolongasse a crise política. Sem referir detalhes, Passos Coelho anunciou:
– Despedimentos na função pública;
– Reduções das pensões;
– Subida das propinas no superior;
– Aumentos das taxas moderadoras;
– Diminuição nas comparticipações dos medicamentos.

Isto é para já. O que vier depois, será ainda mais doloroso. Para os que aplaudiram as decisões do Tribunal Constitucional, a resposta não se fez esperar. Até o Seguro ficou mudo. Não era ele que queria eleições? Esperemos que haja juízo, para que o poço não seja mais fundo.

Share

13 Resposta a “O que Passos Coelho anunciou”

  1. Paulo Nascimento diz:

    Para quem sempre quis acabar com estado social, é um prémio. o paraíso na terra.

    Passos, o mais incompetente dos governantes, rodeou-se de um ministro das finanças incompetente, que falha todas as previsões. De um ministro da economia alienado de tudo. e entre outros, de vários ministros CDS cujo interesse é apenas rapar o tacho, e ziguezaguear, qual verme rastejante, entre o apoio e a oposição envergonhada ao governo que segura.

    Depois de tudo falhar, o que se podia esperar ? demissão do governo ? inversão do rumo ? não…..

    Depois de tudo falhar, da-se ao prevaricador , o prémio pelo seu comportamento. o sempre desejado desmantelamento do estado social.

    Agarram-se como lapas ao poder. e tal como as lapas têm de sair á força. e se o Presidente o fizer, será o povo a fazê-lo, e levará Cavaco com ele.

    Caro João, presumo que tu e muitos como tu que votaram nesta gente, se sentirão enganados e traídos.

    Eu não votei neles e estou furioso. imagino os que votaram iludidos nesta gente.

    TODOS JUNTOS, TEMOS DE CORRER COM ESTA GENTE.

  2. VIGILANTE AO LONGE diz:

    @Paulo Nascimento:
    Correr com esta gente ??????
    Olha, correr mas é contigo e gente como tu: A cavalo e com um grande aguilhão como se faz no Ribatejo (numa manga ou no campo, porque vocês são perigosos e investem a qualquer momento e por isso é preciso guardar distância).
    Sendo triste e profundamente grave, até era porreiro que o INSEGURO, tomasse posse do país: O que é que ele e a “camarilha socretina” fariam de melhor ou de diferente? Obviamente o Passos Coelho, terá cometido alguns(não poucos) erros, mas é preciso não esquecer que o programa da troika foi assinado e negociado pelo sr. Sócrates e pelo PS que agora quer pôr o rabinho de fora.
    Para vocês, nada é bom, desde que não seja do vosso grupo. Se Portugal tiver o triste azar de um dia cair na esquerda, então o povo português irá ficar a saber que é tolerante!

  3. VIGILANTE AO LONGE diz:

    Corrigindo:
    “O povo português ficará a saber quem é que é tolerante: Se a esquerda se a direita?!)”
    O Povo Português está farto de Gonçalvistas, de Chavistas e de Coreanos (Do norte)!
    Viva a liberdade, viva a democracia!

  4. se eu pudesse... diz:

    Não há dinheiro!

    Nesta simples frase, qual a parte que ainda não perceberam?

    Estado social? concordo plenamente, mas não dinheiro.
    É muito simples de fazer as contas, temos que chegar a um estado com 40% de despesa vs receitas, enquanto não se chegar lá, vai haver cortes, despedimentos a torto e a direito. É que não há outra maneira, temos um estado com défice, e não com superavit. Não gostam? não peçam emprestado, simples.
    Votei nele, e vou voltar a votar nele, ( e não me sinto minimamente iludido ou enganado)ao menos está a tentar fazer Portugal andar para a frente, ou pensam que é com aumentos na função pública em vésperas de eleições que isto vai lá?

    Um dado engraçado, e que é público, é que a taxa de imigração não caiu, ou seja, continua a haver emprego em Portugal, existe é pouca vontade de trabalhar, ou de fazer certas funções, precisamente porque temos um “estado social” rico, que se dava ao luxo de amparar malandros e absentistas ( não vou tão longe ao ponto de lhes chamar vermes rastejantes).

  5. Munhoz Frade diz:

    Cortes no Estado Social?
    Bem, então vamos fazer uma perguntinha:
    Este governo, na Saúde, assumirá claramente que quer reduzir a despesa negando tratar doentes que precisam de ser internados?

  6. VIGILANTE AO LONGE diz:

    @Se eu pudesse……
    Concordo consigo, mas infelizmente, Portugal, na função pública, deu guarida a muito malandro!
    É altura para recordar aquela velha fábula do burro com o porco: “Dizia o burro pachorrento ao ver o porco na banca da matança: muito comer e pouco trabalhar…. nalguma coisa havia de dar”.
    Infelizmente, ao longo destes anos de falsa prosperidade, cometeram-se todo o género de desmandos e dislates que obviamente nos conduziram ao triste estado em que nos encontramos. Quando os nossos “parentes ricos” nos começaram a cortar a “mesada”, aconteceu-nos o mesmo que acontece aqueles estudantes a quem os pais mandam o “guito” e eles gastam-no em “apitos e flautas” e cursos nem vê-los (só de água ou melhor, de cerveja).
    De todo e pelo povo que somos, que já os romanos diziam “não se sabe governar e é difícil de governar”, vai ser muito dificil ao Passos Coelho ou outro qualquer, voltar a pôr o país nos eixos.
    O grande problema é que toda a gente, novos e velhos, quer gentilezas, regalias, mordomias, direitos etc.etc. e às obrigações e sacrifícios, diz não e apresenta exigências: Assim, não “chegamos a lado nenhum”, porque nada produzimos!
    Não deixa de ser preocupante esta triste situação! Haverá amanhã? como irá ser ?

  7. F@ce to f@ce diz:

    Vamos lá ver o seguinte :

    Este primeiro ministro Pasos Coelho ( 2013 ) não é a mesma pessoa candidata a 1º ( 2011 ) que apareceu lançada por Miguel Relvas que na hora da despedida até disse que tinha trabalhado 5 anos por esta causa ou seja 3 anos antes da eleição em auto-elogio ???

    Não era este o homem que dizia que era disparate tocar nos subsídios natal e de férias, não aumentar os impostos, cortar em todas as gorduras do estado e mais um sem número de promessas que não cumpruiu ?

    Não era este o homem que dizia que a crise era nacional e não internacional, e agora diz presisamente o contrário do que tinha dito anteriormente ?

    Não era este o homem que dizia que o acordo com o Troika eleborado pelo PS e com assinaturas do PSD ( Catroga e Moedas ) conjuntas também com o CDS / PP, e foi com este trio que foi assinado o memorando já corrigido em 7 avaliações ?

    Não era este o homem que dizia que o memorando era o programa do governo ( PSD e CDS/PP ) e que se faria custe o que custar ?

    Concluindo como se prova por inúmeros escritos e gravações um grande MENTIROSO este Pedro Passos Coelho !!!

  8. zé da burra diz:

    @Vigilante ao longe “…Votei nele, e vou voltar a votar nele, ( e não me sinto minimamente iludido ou enganado)…”

    http://www.youtube.com/watch?v=86BZjm0yU78

    Garanto-lhe que actualmente a maioria dos portugueses se sentem TOTALMENTE DESILUDIDOS E ENGANADOS.

  9. tigre alentejano diz:

    Qual a diferença entre PS e PSD? Estamos há muito ligados ao ventilador europeu que matou a produção nacional, a autonomia e continuamos com o problema mais grave: a (IN) Justiça.
    Estes partidos e seus políticos tem repartido o bolo que pontualmente chegam migalhas ao CDS, PC e bloco.
    Estamos condenados e digo isto sem ser comunista.

  10. VIGILANTE AO LONGE diz:

    @Zé da Burra:
    Ou Zé burro ???
    Leia com atenção p.f.: Quem escreveu aquilo que você transcreve foi @Se eu pudesse!
    De qualquer forma esclareço e faço minhas as palavras do dito @Se eu pudesse!
    Os senhores e os da sua estirpe é que dizem que os portugueses estão desiludidos!
    Desilusão foi e continua a ser a lenga lenga dos socráticos. Os sérios continuam a ser os bloquistas e os comunas, já que sempre tem dito o mesmo.
    O que está a acontecer, há muito que se esperava e infelizmente atinge todos independentemente da sua participação ou contribuição para tal. Quando agora vem as dificuldades e sacrifícios, atingem tudo e todos, nomeadamente, aqueles que nada gozaram com os desvarios da governação e economia.
    E por aqui me fico, porque posso começar a “chamar os bois pelos nomes”!

  11. El Juanito diz:

    Estes cortes se não tivessem esta justificação do chumbo do TC, teriam outra. Eles acabariam por ser feitos na mesma tal não é o fartar de vilanagem que por lá vai.
    Cortem onde devem, a começar pelos próprios ordenados, paguem os cafés e os snacks a preços que o povo paga cá fora etc etc etc.
    São uns valentões mas esquecem-se de dar o exemplo.
    Isto precisa é de algo mais, precisa de acção!!!! Temos de perguntar ao Ambrósio.

  12. zé da burra diz:

    @vigilante ao longe

    Antes de mais peço desculpa pelo lapso (troca) na transcrição. Depois, julgo que não o ofendi, como tal agradeço que se contenha, ou o desespero é tal que o leva a chamar nomes aos outros? Depois, por acaso o senhor sabe qual é a minha estirpe? Finalmente, por muito que lhe custe, e também não me custando nada admitir que o anterior executivo tem culpas no cartório, tal como tem o outro ainda mais anterior, que desmantelou agricultura e pescas e agora apela que nos viremos para o mar e para a agricultura, dizia, por muito que lhe custe diga lá se o seu 1º ministro disse ou não o que está naquele video? Ou vai negar isso e continuar a chamar-me burro?

  13. zf diz:

    http://www.radiopax.com/index.php?go=noticias&id=557

Deixe Uma Resposta