Nov 19 2012

Hoje não há restaurantes

Publicado por as 11:30 em Geral

O Movimento Nacional Empresarial da Restauração (MNER) promove hoje o “Dia Nacional sem Restaurantes”. Os empresários da restauração e similares fecham esta segunda-feira as portas em protesto contra a taxa de IVA. (notícia)

Share

2 Resposta a “Hoje não há restaurantes”

  1. Qualidade da Democracia diz:

    Concordo com a descida do IVA de 23 para 13 %.

    Mas,

    também concordo que todos estes estabelicimentos essencialmente da restauração ao cobrarem passem a indespensável factura/recibo aos consumidores/clientes e não continue a ser a rebaldaria de fuga do imposto para o bolso para quem comercializa e a não entrega do IVA ao estado.

  2. VIGILANTE AO LONGE diz:

    O problema é grave ou melhor dizendo: Gravíssimo, mas não está só no aumento da taxa de 13 para 23%.
    As pessoas já não tem dinheiro é para ir comer fora e essa é a principal razão da crise no sector. A cada dia que passa, “os trocos no bolso” são cada vez menos e como tal, há que cortar nalgum lado.
    Façamos o seguinte exercício: Um casal + dois filhos, sem qualquer “esbanjamento” gastam na sua refeição, num mediano restaurante, 50 a 60 €: Esse dinheiro traduzido em compras de supermercado, talho ou peixaria, representa e dá para muito mais que quatro refeições. Estas são as contas que toda a gente faz e quem as não fizer “está amolado”. Obviamente, que há quem não possa fugir às refeições fora de casa, mas mesmo esses “se cortam” e já elegeram a marmita como solução.
    Compreende-se a revolta dos empresários da restauração e não se advinha nada de bom para quem trabalha nessa área, contribuição para o aumento do desemprego, etc. etc. O sector devia pensar e reinvindicar, junto de quem de direito, tarifas de água, gás e electricidade, claramente mais vantajosas, já que a sua actividade representa uma boa fatia das economias locais: Sem restaurantes, não há turista que visite qualquer local!

Deixe Uma Resposta