Ago 29 2012

Verão total em Beja

Publicado por as 23:23 em A minha cidade

As gravações em Beja do programa da RTP “Verão total” têm sido notícia espalhada por toda a parte.
Porém, na página dos Caracol Blues no Facebook pode ler-se:

“Afinal não vamos à televisão. Pedimos desculpa pelo incómodo e pela publicidade enganosa que aqui fizemos. Mas a verdade é que nos embarrilaram também. E não foi a RTP. Ao que sabemos, e não é muito, a fraude propagou-se a outras bandas e instituições que só hoje souberam da trapaça. Os convites foram feitos por quem não tinha direito nem poderes para tal, e completamente à margem do conhecimento dos responsáveis pelo programa “Verão total” que amanhã está em Beja. Mais um case study de chico-espertice que por estes lados florescem como cogumelos num prado húmido e viçoso. E logo agora que tínhamos o playback tão bem ensaiadinho.
Ps: pedimos aos nossos amigos que divulguem esta mensagem. A ver se saltam mais lebres.”

Soltem-se as leeebres!

Share

16 Resposta a “Verão total em Beja”

  1. FB diz:

    Diz que disse e escreve uma das ” lebres ” (gosto delas é com feijão branco e um bom tinto ) …

    No facebook do vereador Miguel Góis da cultura e outras áreas da Câmara Municipal de Beja, na passada 2ª feira e retirado do albúm da autarquia é anunciado o citado evento nas Piscinas Municipais entre as 10 e as 18 horas !!!

    Não sei, não compreendo, não entendo o porquê das eventuais dúvidas lançadas e os objectivos que estão em causa.

    Até logo pela manhã ou tarde conforme as disponibilidades e gostos.

  2. Vítor Fernandes diz:

    Olha… não percebi nada.

  3. Alentejano diz:

    Quem foi contactado por quem ?
    Quem falou em compromissos de participação e a documentação ?
    É só os lesados virem a público dizeram quem são os autores das diligências e das aldrabices ?

    Cheira-me a caso de gerar a confusão e provocar boicote de participação nas massas populares que desejam assistir e participar, será que não andará por aí o dedo ou a mão na ‘ foice e no martelo ‘, metida na matéria artistica para gerar confusão até foguetes estou agora a ouvir com fogo de artifício para os lados das piscinas.

  4. Jorge C. diz:

    Não tem nada a ver com politicas mas sim com pessoas incompetentes!!
    As pessoas é que não têm de se meter onde não são chamadas ! Se não têm “direito nem poderes” para fazer os convites, então deixe isso para quem tem e poupam os outros de passar por situações destas !!
    Ao que parece não foi caso unico pois aconteceu o mesmo com o Grupo Coral de Cabeça Gorda e mais uns quantos….. bonito serviço!!

  5. El Juanito diz:

    Parece uma novela!!!
    Isto há com cada coisa!!!

  6. Rato dos Pomares diz:

    Mas afinal quem é que se excedeu e desatou p’ráí a convidar sem mandato?
    Quais foram as lebres com os dedos ceifados e impiedosamente martelados?
    O que é que o mui culto* vereador publicou no FB?
    O Grupo Coral da Cabeça Gorda vai participar na próxima novela? De que canal?
    Incompetentes? Estamos a falar de quem? Porquê?
    O que é o “Verão total”?
    O que é RTP?
    As lebres saltam? E os Caracóis? Blues?
    Os cogumelos “florescem” onde?
    Em Beja, não chove há quantos meses?

    Até agora o Urso de Ouro vai para o comentário do Vítor Fernandes. Menções honrosas para a lebre com feijão branco e tinto e para os caracóis azuis com imperial amarela.

    Nota de rodapé – * Mui culto só pretende significar que é responsável pelas matérias culturais, claro! Assim como um “moiral” é, por inerência de funções, muito vaqueiro, por exemplo!

  7. ZEI diz:

    Que saudades dos tempos do PC. Havia lugar para todos*

    * para todos do partido

  8. baruquim diz:

    já vi que substituíram a agua do lago dos patos do jardim publico quantos metros cubicos ali se gastaram só para vir a RTP filmar? por isso pago eu a agua a um balúrdio e também para os gajos da EMAS levarem os carros de serviço para casa

  9. MELGA diz:

    não me digam que o Miguelito Gois se armou em Director de Programação da RTP ??????

    Olha que o Relvas trata dele !!!!!

  10. El Juanito diz:

    Pronto!!! Vai-se a ver, o lago estava melhor com aquela mijeira! Então ó sr baruquim, o sr terá filhos ou netos numa das suas visitas ao jardim, o que responderia a um deles se lhe perguntassem a razão daquela imundice?! Provavelmente diria que a culpa seria daqueles gajos da câmara que nada fazem pelo povo de Beja. Mas como se fez algo positivo para que voçê, eu, os seus e todos nós possamos lá ir passear e agradarmo-nos com a limpeza, já vem dizer que se gastaram litradas de água.
    Eu digo, terá sido para a RTP filmar e TAMBÉM para nós habitantes de Beja podermos desfrutar.

  11. Rato dos Pomares diz:

    @ El Juanito. Assim que começo a ler o seu comentário, admito, não posso deixar de concordar. Mas no remate “caga a opa”! É que os bejenses e quem os visita, mesmo (e sobretudo) sem RTP, merecem mais e melhor que a imundíce (que disse e disse muito bem) a que o equipamento está, a maior parte do tempo, votado.

  12. El Juanito diz:

    @Rato do Pomares
    Não, felizmente não “cago a opa” apesar de entender o seu ponto de vista.
    Assim, pelo menos as coisas foram arranjadas com a vinda da RTP, é que se ela (ou outra) não tivesse vindo, ainda hoje teríamos um lago pastoso, onde os patos não nadariam mas sim andariam. Será caso para dizer que, esperemos que a TV venha cá mais vezes durante o ano.

  13. CC diz:

    @ baruquim

    A maldade das palavras sem cabimento, os homens que levam os carros do EMAS são os que estão de piquete de urgência para socorrer o mais breve possível os consumidores, quando tal é solicitado e as razões o justificam 24 h por dia.

  14. baruquim diz:

    Conheço um que, coitado, passa o ano de piquete

  15. CC diz:

    Essa é boa !

    Então esse mesmo não é o resposável de todos os piquetes do EMAS.

    Mas para quem dizia ” levavam os carros para casa ” ou seja no plural significada mais do que 2 e agora cita 1, já melherou na má lingua.

  16. Rato dos Pomares diz:

    Quando vejo os ocupantes dos “carros dos Serviços” estacionados frente aos cafés, no “circuito” do deixar os meninos nas escolas, na piscina, nos parques de estacionamento das grandes superfícies ou à porta dos respectivos utilizadores, chego à conclusão que “utilizar o carro do serviço para uso pessoal” está carregado de um vigor másculo que inebria qualquer dirigente (provavelmente se quanto vigor másculo numa perspectiva de ética ficarmos por aí)! No meu imaginário, utilizar o carro do serviço para uso pessoal significava Jaime Neves a ir beber café “montado na chaimite”. E ficava por aí!
    Mas já dei para este peditório. Quando percebo que começo a ficar incomodado com esta “áfrica”, penso em Jaime Neves, encho-me de esperança e acalmo logo!

Deixe Uma Resposta