Mai 22 2012

Para rir à gargalhada

Publicado por as 12:15 em A minha cidade

Quando ouvimos as queixas dos vereadores comunistas da Câmara Municipal de Beja sobre o estado de abandono a que o património edificado está votado. Esquecem-se os comunistas bejenses da responsabilidade que têm, por exemplo no estado a que chegou o estádio Dr. Flávio dos Santos, símbolo máximo de décadas de gestão do PCP em Beja.
A sorte é que eles se esquecem.
Mas nós não.

Share

22 Resposta a “Para rir à gargalhada”

  1. VIGILANTE AO LONGE diz:

    A rainha Santa Isabel, dizia: são rosas meu senhor ! Aqui pode dizer-se sobre as lamentações / queixas dos vereadores do PC, que são lágrimas de crocodilo ou mais prosaicamente “lamentações de puta”. Por inépcia e inércia da gestão BEJA CAPITAL, o vento está a soprar-lhes de feição, sem necessidade de fazem grande esforço: é só esperar —–!
    O executivo autárquico de PV, está alegremente a oferecer a câmara ao PCP, mais propriamente a João Rocha, o qual vai ganhar as eleições com maioria absoluta ( um deputado PS e outro PSD ????), sem quase ter necessidade de fazer campanha eleitoral.

  2. El Juanito diz:

    LOL! LOL!

  3. Jorge Espinho diz:

    Não sei a neura dos comunistas, fazer oposição, eu acho que eles foram foi eleitos para ir lá buscar as senhas de presença e pouco mais, era o que deviam fazer, ora fazer criticas ao que está mal é mesmo ridículo! João Espinho tem razão, o PC não devia fazer oposição, ir até CUBA e passarem lá uns anos com o Fidel e voltar dentro de uma década, e o Pulido a mandar como deve de ser, mas sem oposição chata daqueles gajos do antigo regime que querem combater as ideias da Beja Capital! Não sei que país democrático é este em que os “anteriores” querem criticar os que lá estão, mesmo parvoíce deste comunistas. Isto nunca deveria ser permitido, abaixo a oposição!!

  4. Campaniço da cidade diz:

    @Vigilante ao Longe:
    Se é como diz e eu até quase que acredito, onde anda o movimento Beja Capital ? Se Polido Valente, não serve (e não serve mesmo), não conseguirão arranjar outro ? Será que o PS e o PSD, fazem o jogo do PC ou não têm ninguém à altura ?.
    Diga-se também em abono da verdade que não é tarefa fácil para ninguém, gerir / governar uma casa endividada e sem dinheiro e sem grandes recursos. Analisando de outra forma: É provável que o PS e por arrastamento o PSD/CDS, queiram devolver às origens a “encomenda”, numa altura em que não abundam verbas e fundos para as autarquias. O PC, foi responsável trinta e tal anos pela Câmara: O mal está feito e bem feito, assim sendo, pode retomar a câmara e fazer mais do mesmo, porque os bejenses já estão habituados e já não estranham!
    @El Juanito:
    LOL! LOL! Continue…….. Continue!
    (Quem ri à ultima…… ri melhor e com maior satisfação).

  5. ZE PORRA diz:

    Independentemente da grave situação económico-financeira que a CMB vive , é perfeitamente visivel a total incapacidade de JPV para liderar o que quer que seja. Ele e os seus vereadores mais parecem uma orquestra totalmente desafinada em que cada um toca o que sabe , ainda por cima mal.Em vez de arranjarem uma equipa coesa e multidisciplinar têm umas POLIDETTES que se riem muito mas cuja produtividade é ZERO.
    Infelizmente dentro do PS-Beja não se gerou qualquer alternativa a JPV e a MG. O putativo ganhador , de nome Mourão , não é mais do que a continuidade do caminho para a derrota em OUT-2013.

    Infelizmente , cada vez mais o Presidente da AMBAL estará mais perto de ganhar a CMB.

  6. Qualidade da Democracia diz:

    Por aquilo que se sabe o tal BEJA CAPITAL que ganhou em 2009 e com maioria num movimento muito independente de vontades as últimas eleições autarquicas em Beja, já teve vários debates públicos e publicitados nos últimos meses, com análises críticas / participadas e com a necessidade de corrigir rumos e o criar novas empatias / simpatias face ao presente e futuro.

    E até já tem um denominado grupo com maioria de independentes no ” núcleo duro ” a trabalhar para um acto eleitoral daqui a um ano e meio.

    Porque a opção vai ser de novo entre o mais do mesmo PCP / CDU e veja-se os milhões de euros de dívidas que deixaram ou com 65 % da receita mensal ser cativada por vencimentos de pessoal e 35% para tudo o restante que é muito mais e não chega para o presente e pagar o passado, existir transparência e na crise fazer milagres diariamente sem dinheiro em caixa.

    O juiz será novamente o Povo e democraticamente aceitar-se-á a sua decisão nas eleições .

  7. VIGILANTE AO LONGE diz:

    @Campaniço da cidade e @Qualidade da Democracia:
    Já toda a gente sabe: A coisa está preta! E agora? Quem vai tomar conta do “barco”?.
    65% para vencimentos de pessoal?! É muita “fruta” e certamente há lá gente a “coça-los” por todos os cantos. Quem for substituir o PV, tem de ter a coragem de acabar com as “Polidetes” e as outras que ficaram das anteriores vereações, tal como, o exército de assessores, conselheiros, fiscais e “olheiros” que nada fiscalizam e nada vêm.
    No PS e no PSD de Beja não se gerou alternativa nenhuma, porque não interessa e também porque algum iluminado que aparecesse era só para queimar e destruir.
    O movimento Beja Capital, deveria passar a designar-se por Beja Monte ou Beja Deserto, designações mais consonantes com a vida citadina: Com as ruas desertas, o comércio falido, a indústria inexistente, a miragem de aeroporto e a água do Alqueva
    cada vez mais cara e difícil, só resta aos bejenses, voltarem-se para os chineses, para o Pingo Doce ou para o Continente, porque esses ainda vão transmitindo algum ar de modernidade, sacando alegremente o pouco dinheiro que por ai circula (dos reformados e da função pública).
    O que fez o movimento BEJA CAPITAL para atrair investimento para a cidade ? o que conseguiu ? ZERO, mas prometeu este mundo e outro.
    Uma coisa podem os bejenses ter a certeza (infelizmente): Se o aeroporto estivesse na cidade de Évora, há muito que estaria em pleno e a dar postos de trabalho, para Beja e não só.
    Sem ser “comuna” tiro o meu chapéu ao provável futuro presidente da CMB, Dr. João Rocha, que tem feito de Serpa uma cidade simpática e muito agradável, onde dizem, haver qualidade de vida e investimentos em curso no concelho.
    Se assim é, venha João Rocha para Beja: Tal como antes do 25 de Abril, o fascismo nunca me fez mal e agora se vier um comunista dinâmico e empreendedor para chefiar / gerir a câmara de Beja, talvez não seja ser pior que este triste marasmo.

  8. bejense diz:

    Qualidade da democracia, já toda a gente sabe quem você é. A voz do dono que escreve com vários nomes na internet sempre a defender a sua dama. Só lhe falta pedir ao PS e ao PSD que se aliem para expulsar os comunistas de vez da câmara. É pena que a sua cegueira não o deixe ver uma realidade que todos os bejenses já viram. Incluindo muitos socialistas. É a completa incompetência desta equipa começando no presidente acabando nos vereadores e assessores. Pior do que isso é o diz uma coisa hoje e outra amanhã. E as culpas sempre para cima dos outros sejam os da CDU do último mandato ou os trabalhadores da câmara. E eles sempre a desculparem-se da sua incompetência. São obras anunciadas mas que não se realizam e aquelas que começam nunca mais acabam ou são suspensas. É demais.
    E a sede do clube bejense, sr Qualidade da Democracia, quando é que os seus amigos deste executivo fazem as obras que você queria fazer quando andava atrás dos comunistas quando foi do pólis? Já não se lembra?

  9. VIGILANTE AO LONGE diz:

    Eh pá…….. isto está a aquecer !
    O tema é bom………. venham mais comentários; pelo menos, dá para entreter “a malta” à falta de melhor e sempre se vai “sabendo” mais alguma coisa ou outra.
    Essa do Clube Bejense é gira! O Clube dos Ricos na Rua do Touro ? Tá boa…… é preciso ter “lata”!

  10. ZE PORRA diz:

    Aparece muita gentinha a falar de BEJA CAPITAL , mas afinal o que foi BEJA CAPITAL ?????

    Na minha modesta opinião foi pensado pelo Hugo Lança e pelo Josá Barriga e em grande parte executado no terreno por este último.Concerteza que apareceram mais alguns a mandar uns bitaites , mas de muito pouco impacto.
    Também se deverá ter em conta a acção do ex-governador civil.

    A queda e a disparatada acção de JPV e desse grande cromo de Beja que dá pelo nome de MG , acentuaram-se claramente quando se verificou o afastamento , para não dizer ruptura , com HS e o JB.
    A partir desse afastamento/ruptura deixou de fazer sentido falar em BEJA CAPITAL , deve-se sim falar de uma gestão errática, e sem qualquer competência de JPV secundado pelo MG.

  11. bejense diz:

    O clube bejense é na rua do sembrano por cima da casa dos bilhares e está a cair aos bocados.

  12. João Espinho diz:

    @vigilante – calculo que o clube bejense seja outro.

  13. manel das notas diz:

    Para isto aquecer mais ainda sabiam que há um chefe de divisão do desporto a ganhar quase 3 mil euros por mês e que é um dirigente do PS de Moura que foi candidato à câmara desta cidade em 2009. E que é um assanhado socratista e agora segurista e que parece o emplastro da televisão que aparece em todas as fotografias onde estão os chefes. E o melhor de tudo é que o desporto na câmara de beja é quase zero o novo chefe é só vaidade. E os clubes com os subsídios em atraso.
    O Pulido Valente também podia dizer quanto custam à câmara todos os novos chefes que entraram e que vieram de fora. São 6 ou 7 e o que é que trouxeram de novo? Nada.

  14. Qualidade da Democracia diz:

    O Clube Bejense é propriedade da autarquia desde a gestão do Francisco Santos e Miguel Ramalho dado que foi doado à Câmara Municipal de Beja pelo seu proprietário há mais de 6 anos, face às obrigações que ele tinha de recuperação do imóvel.

    @ bejense

    Por mero acaso também o sou por naturalidade e saiba que no BEJA POLIS o espaço estava dentro do caderno de encargos dos cerca de 18 Milhões de Euros das obras e que a obra não foi concretizada para 4 associações como determinava o aprovado, porque ” desviaram ” para não dizer outra palavra para as obras de arqueologia e empresas que as faziam sem concurso público e por adjudicação directa em tranches menores no valor glogal de mais de 1 Milhão de Euros, quer saber quem era a presidente e responsável da empresa beneficiada ?

    Decerto sabe também era funcionária da Câmara M. de Beja e acessora de um vereador do PCP / CDU e administrador do BEJA POLIS.

    Tanta coisa que se sabe, talvez um dia se faça justiça sem interesses materiais …

  15. Campaniço da cidade diz:

    @Vigilante:
    Não confundir “A obra prima do mestre” com “A prima do mestre da obra”!
    O Clube Bejense é na Rua do Sembrano (Rua do Desportivo). Na Rua do Touro situa-se a Sociedade Bejense!

    @Ze Porra:
    Esse tal senhor militar (óptimo como tal) que foi o último GC, também teve a sua quota parte no moribundo BEJA CAPITAL, aliás, como em outros episódios da governação socrática. Como militar, foi e merece destaque (e assim devia ter-se reformado), como político, nem tanto: foi demasiado defensor do PS, para quem devia mostrar-se o mais possível apartidário (houve ocasiões que fazia lembrar o Major Brissos de Carvalho no GC a defender o PCP).
    Deixem o “pobre coitado” do rapaz (MG) criar-se, pode ainda um dia, quem sabe, vir a ser alguém importante e recomendável, porque agora, espelha bem a imagem tipo, dos autarcas que infelizmente, abundam por esse país fora. Perdoai-lhes Senhor, porque não sabem o que fazem (diz a parábola do evangelho), mas estes, infelizmente e para nosso mal, sabem e sabem bem, que estão fazendo mal.

  16. Mafalda diz:

    No final de contas estamo-nos a desviar um pouco da questão chave deste post que é o abandono em que estão alguns edifícios públicos desta cidade. Ainda que uns se esqueçam de umas coisas e outros de outras, não pudemos nós esquecer e constantemente relembrar que, património, seja ela qual for não entra em degradação em 3 anos. Não se estraga em 3 míseros anos mas sim ao longo de muitos anos, anos esses em que se dava prioridade às festas da cidade (e outras pérolas do género), onde se gastavam milhares de euros (porque havia dinheiro em abundância) e onde, efectivamente nada ou muito pouco foi feito.
    O que eu gostava de saber, era o que fariam os comunistas, caso estivessem na Câmara actualmente, com este panorama, com a escassez de verbas e os buracos (dividas) para tapar! Como sempre tiveram fama de bons gestores, de certo que já teríamos, no limite, bancos de jardim revestidos a ouro….

  17. VIGILANTE AO LONGE diz:

    @Mafalda:
    Permito-me concordar consigo, na primeira parte do seu texto: Na segunda, nem tanto, porque entre o passado e o presente, que venha o diabo e escolha.
    De qualquer forma, acrescento e lembro o seguinte património que ameaça ruir a qualquer momento: O S. Pedro, tem sido benevolente em não nos mandar invernos rigorosos, porque senão, era a ruína total:
    Edifício do Banco de Portugal, Mercado Municipal, Palacete da Ex União de Sindicatos (ao jardim do bacalhau), antiga Casa Pia, antiga metalúrgica Alentejana e suas residências, palacete situado entre o edifício do tribunal e o palácio do governo civil. Para já só estes, mas pelo andar da carruagem, outros se lhe seguirão. É certo que há interesses privados nalgumas destas propriedades, mas a Câmara Municipal, não pode eximir-se do triste espectáculo de degradação que as mesmas ostentam.
    Cidade que se preze e que se quer mostrar moderna e atraente, não pode exibir no seu seio ou zonas mais nobres, albergues de ratos e parasitas.
    Lamentávelmente, quer a rua Capitão João Francisco de Sousa, quer a própria Praça da Republica, vão mostrando sinais evidentes de abandono e desprezo, nada abonando as respectivas imagens, quer para quem cá reside, quer para quem nos visita.

  18. Mafalda diz:

    Concordo consigo! O Palacete da Ex União de Sindicatos é um dos casos mais gritantes! Não sei até que ponto é que os proprietários que alguns desses edificios (que sejam privados) não deveriam ter responsabilidade civil e quiçá criminal sobre os seus edificios por os deixarem chegar a esse ponto… isto poderia incluir Câmaras Municipais e Juntas de Freguesia também!

  19. MARIA FLORES diz:

    Ninguem fala de um dos edificios mais degradados da cidade de Beja que é a sede do PSD ????

  20. VIGILANTE AO LONGE diz:

    @Maria Flores:
    Boa! É verdade….. um aspecto deplorável: Como estará o interior ? Choverá lá dentro ?
    O edifício, velho, sujo e abandonado, transmite a ideia de um local sem vida, cujos seus locatários “morreram” ou emigraram há muito. Vai a pergunta: É esta a imagem que os dirigentes do PSD (concelhia e distrital) querem mostrar e passar? Se assim é…. então está certo! Estou convencido que em local nenhum do país, existe uma sede partidária em tão mau estado, obviamente com excepção, daquelas casas que albergaram os partidos já extintos (udp, mes, mrpp, prd, etc. etc.)! Será que o deputado eleito não vê isto, ou andará mais preocupado em puxar lustro às cadeiras de São Bento ?

  21. MARIA FLORES diz:

    @ VIGILANTE DA NOITE–Ando bastante preocupada com a ausência do deputado PSD. Desde há umas semanas o homem não manda umas bocas acerca de qualquer assunto do qual é completamente ignorante ( são todos )

    A Radio Pax e a Radio Voz Planicie não publicam a agenda de visitas do deputado . O que se passará ? Já terá visitado todos os Lares e Infantários do Distrito ? Como se realiza amanhã uma tourada em Cuba talvez lá esteja .

  22. Campaniço da cidade diz:

    @Vigilante ao longe:
    Compreendo-te: Porque não lançam umas rifas para arranjar “guito” para a tinta ? Ou querem mesmo mudar de sítio ?
    emigraram? morreram? OU QUEREM MESMO FAZER CRER QUE ESTÃO MORTOS ??????? O novo presidente da autarquia vai disponibilizar meios para a reconstrução da sede. Nos “acordos” pré eleitorais…. tudo é possível!
    Ora…… PORRA…… para este PSD de Beja (que está + interessado na promoção pessoal dos seus dirigentes).
    Como dizia um falecido amigo meu: Fora cabrões!

Deixe Uma Resposta