Jul 13 2011

Em Beja: NATO condecora Força Aérea Portuguesa

Publicado por as 19:25 em Geral


foto: joão espinho

Na próxima sexta-feira, dia 15 de Julho, vai realizar-se na Base Aérea Nº11, em Beja, a Cerimónia de Imposição da “NATO AFRICA MEDAL” aos militares que integraram a Força Multinacional da NATO na Operação “OCEAN SHIELD”, para o combate à pirataria no Oceano Índico.

A atribuição desta medalha ao Destacamento da Força Aérea Portuguesa, que foi constituído por 53 militares e pelo P-3C CUP+ pertencente à Esquadra 601 “Lobos”, será feita pelo Comandante NATO (Maritime Air Northwood Commander), Rear Admiral Jacques de Solms, numa Cerimónia presidida pelo Chefe do Estado-Maior da Força Aérea (CEMFA), General José Pinheiro.

Share

5 Resposta a “Em Beja: NATO condecora Força Aérea Portuguesa”

  1. FB diz:

    Já agora quanto custa a CERIMÓNIA e os meios envolvidos, será que o PM dr. Pedro Passos Coelho tem conhecimento do evento e da despesa envolvente em tempos de crise ?

  2. João Espinho diz:

    @fb – não sejas ridículo. Ou pensarás que esta Cerimónia é a do voo inaugural do aeroporto de Beja? Um pouco de bom senso não te ficava mal.

  3. FB diz:

    Li ontem pela noite em jornal diário e daí o comentário e reproduzo :

    ” Segundo o relatório de Execução da Lei de Programação Militar de 2010, o Estado Português pretende alienar em breve 10 caças F – 16, bem como 8 helicoópteros Puma e 10 aviões C – 212, Aviocar, « inibidas ao serviço e já abatidas ao serviço », conforme se pode ler no documento.
    Além da intenção de proceder à venda destes aparelhos, o relatório acrescenta ainda que a Força Aérea do Paquistão já « solicitou informações sobre configuração e upgrades estruturais das aeronaves ». O Es tado português já enviou os dados solicitados, bem como a sugestão de possíveis datas de visita à Industria Aeronáutica de Portugal.
    Nos dados divulgados e em despesas a Força Aérea gastou 45,7 Milhões de Euros, o relatório onteontem relevado conclui deste modo, que a revisão da Lei de Programação Militar « assume uma importância capital em termos de soluções de financiamento e de adequação às reais necessidades ».”

    Se questionar é ser rídiculo com este conjunto de factos e tentar misturar situações bem diferentes, o que pensar ???

  4. João Espinho diz:

    Há muitas formas de questionar. E há questões que não fazem sentido. Uma cerimónia para entrega de medalhas é um evento de grande sobriedade. Foste militar sabes como é.

  5. Anonimo diz:

    Mas como é possivel haver pessoas que só dizem é barbaridades sem conhecimento das coisas, mas eu até estou disposto a ilucidar algumas pessoas que vivem na ignorancia, uma cerimonia militar não quer dizer festa de arromba, serve sim para destacar algumas pessoas que por alguma razão o merecem, e se o senhor ler bem a noticia vê que a cirimonia é da NATO numa missão NATO, não tem nada a ver com o estado português. Nem parece que foi militar. Talvez seja esse o problema, numca o foi…….

Deixe Uma Resposta