Jun 16 2011

Este país não é para decotes

Publicado por as 17:04 em Fotografia


foto: joão espinho

Ou a história do pároco que afasta a freguesia por causa de um … decote.

Share

14 Resposta a “Este país não é para decotes”

  1. Constantino diz:

    E tu com uma foto desavergonhada como esta estás a candidatar-te à excomunhão.

  2. João Espinho diz:

    @constantino – e que culpa tenho eu ou a fotografia?

  3. Constantino diz:

    Eu é que não arranjo modelos destas…

  4. João Espinho diz:

    @constantino – estava na Praça, um sítio público.

  5. Raquel diz:

    Há decotes e decotes, assim como, há padres e padres, ou então, há noticias e noticias.
    Claro que todo o assunto tem a sua dicotomia . Desde que seja assunto .

    Não sei se o que me incomoda mais é esta noticia ser noticia, ou o assustador facto de constatar a deturpação do conceito “bom senso”, ou se preferirmos a sua evidente escassez.

  6. AVLISESTE diz:

    BEM HAJA QUEM É SENHORA DE TAL MAMAÇAL!
    UM BOM MODELO PARA SÍMBOLO DA CIDADE!

  7. AVLISESTE diz:

    @Raquel:
    Perdoar-me-à: Tanta filosofia é demais: Eu, humildemente, confesso, não consigo lá chegar!
    Mas que o “mamaçal” é de se lhe tirar o chapéu? lá isso é !

  8. Paulo Nascimento diz:

    @Avliseste

    “Mamaçal” também pode ser conhecido por “Silicon Valley”

    @João

    Estou a ver que andas a “caçar” em terrenos de caça livre.

    Se alguma menina Avantajada chocar contra uma árvore da praça da republica, ainda te podemos ver a cair de lá para baixo.

  9. João Espinho diz:

    @paulo – Ó pá, eu sou caçador no prato e não percebo tanta manifestação de inveja por não estarem na hora exacta no local certo com a máquina adequada. Deixem a senhora em paz e falem de enquadramentos, luminosidade, contrastes, etc… Falem de Fotografia 🙂

  10. Rato dos Pomares diz:

    O contraste provará que teria ido previamente à praia. Pelo “dourado” uniforme e regularidade na faixa da variação da cor, talvez ao Almograve, sem dúvida num dia encoberto. Pela posição dos ombros, ligeiramente contraídos para a frente, diria que consentiu mas não estaria muito segura se teria tomado a decisão certa. Sobretudo não estaria segura se a promessa de que a cara não figuraria iria ser cumprida. Finalmente a luz. Suave, fim de tarde à sombra, seguramente. Maria da Luz… talvez…na esplanada no Parque da Cidade.
    J.E. Arregaça as mangas que os 75 000€ estão no “papo”.

  11. Paulo Nascimento diz:

    O Padre de Valpaços é que podia comentar a fotografia.

    Afinal de contas, ele parece ser entendido no assunto.

  12. Regina diz:

    Não é por nada, mas espero João que a “modelo” tenha autorizado esta invasão de privacidade:-)
    Quanto ao padre… enfim… ou eles são pedófilos ou prosélitos… a Igreja sempre teve dificuldade em encontrar um equilibrio.

  13. El Juanito diz:

    Aquilo, Sillicon Valley?!
    Hummm!!! Vê-se (apalpa-se) a léguas, que se trata de um “produto” natural. 🙂
    A foto está muito bem “caçada” e a modelo, sse apresentou assim num local publico, foi para ser vista e apreciada por quem quis, até mesmo por uma objectiva!
    Parabéns aos dois, ao fotografo e à “proprietária” de tão apetitoso “produto”!

  14. strogoff diz:

    @João Fotografia com boa definição e cores naturais. Gosto do pormenor das estrias na mama. Coisa bela!

Deixe Uma Resposta