Arquivo de Abril de 2011

A Central de Propaganda

30 de Abril de 2011

    “Esta Central tem acesso a informações, por métodos quase científicos de busca, selecção e organização de informações, a que os jornalistas não têm ou não podem ter acesso, ou nem sonham que existem. A Central conhece o passado de todos quantos agem no espaço público e ousam desagradar ao PS-Governo. A Internet é usada para divulgar elementos “comprometedores” da sua vida.”

Vale a pena ler (aqui).

Share

Ovibeja 2011 – Passatempo #2

30 de Abril de 2011

1 – Qual o tema do colóquio que, no âmbito da 28ª Ovibeja, se realiza no auditório do NERBE, na quinta-feira, dia 5 de Maio, pelas 10h30?

2 – A que ano se refere a seguinte fotografia?

foto: joão espinho

3 – Quem fez a seguinte afirmação?: “Se os políticos não se entenderem, a sociedade civil terá que reagir”.

Respostas para a caixa de comentários, com indicação de nome e email válido do/a participante no passatempo.
Oferta de 2 convites duplos para a Ovibeja 2011.

(os vencedores deste e de outros passatempos serão contactados por mail para combinar entrega dos convites)

PASSATEMPO ENCERRADO

Share

postal ilustrado

30 de Abril de 2011


foto: joão espinho

Share

A kiss is just a kiss…

29 de Abril de 2011


foto: Olga Zavershinskaya

Hoje foi dia de beijo real. Melhor: de dois beijos cheios de nobreza.
Um beijo é um beijo. Dois beijos sabem melhor que um só. Beijar à varanda, perante milhões de pessoas, deve ser uma coisa impressionante. Beijar de forma polite pode ter a sua piada. E aqui entra a língua. British, so to say.
Um beijo é um beijo, e o melhor será sempre o mais recente. Pouco courtly, nada well-mannered, mas cheio de want & libido. Com língua, pois claro.
Bom fim de semana!

Share

Tiro num porta-aviões!

29 de Abril de 2011

Sobre a avaliação dos professores:

7 ABRIL 2011 – “O Presidente da República, Cavaco Silva, pediu hoje (7/abr/2011) a fiscalização preventiva da constitucionalidade de algumas normas do diploma aprovado por toda a oposição no Parlamento no dia 25 de março que revoga o decreto do Governo que regulamente o atual modelo de avaliação dos professores.
Questionado se o PSD tem dúvidas quanto à constitucionalidade deste diploma, Pedro Duarte respondeu que não: Se tivéssemos, não o tínhamos aprovado. Mas respeitamos que haja dúvidas e respeitaremos a decisão do Tribunal Constitucional. Para nós, como é evidente, não há qualquer inconstitucionalidade.

29 ABRIL 2011 – Tribunal Constitucional chumba revogação da avaliação dos professores.

Hoje à noite, pelas 21h00, no Beja Parque Hotel, o PSD Beja organiza um colóquio sobre Políticas Educativas. A sessão conta com a presença de David Justino, antigo Ministro da Educação, e Pedro Duarte, Vice-presidente do Grupo Parlamentar do PSD.
Uma boa ocasião para ouvir/debater a diversidade de opiniões que este tema tem provocado.

Share

Histórias de outros tempos…

29 de Abril de 2011


(via Aldeagar)

… figuras de outras horas…»

Amanhã, dia 30 de Abril, pelas 17h00, irá realizar-se no auditório da Biblioteca Municipal de Beja uma sessão de apresentação do livro intitulado «Histórias de outros tempos… figuras de outras horas…» de Manuel Dias Horta.

Share

Para ler e reflectir

29 de Abril de 2011

“Seria lamentável que estas eleições entregassem o ouro ao bandido por falta de comparência do adversário.” ler aqui

Share

Está negro!

28 de Abril de 2011


foto: joão espinho

Share

Ainda não percebi

28 de Abril de 2011

Mas também não me vou esforçar muito.
Que melgas!

Share

Sócrates e a mentira do Estado Social

27 de Abril de 2011

José Sócrates apresentou hoje o programa eleitoral do Partido Socialista.
Novidades?
Destaco: “Nas linhas gerais as apostas socialistas, vão para a defesa do Estado Social mas também para o reforço da competitividade da economia.”
Recorro ao Delito de Opinião para fazer uma breve amostragem do Estado Social praticado por José Sócrates:

– A taxa de desemprego, que está actualmente nos 10,6%, segundo o INE, mais que duplicou na última década. (14.09.2010)
– Portugal mantém a quarta maior taxa de desemprego do conjunto dos 30 países membros da OCDE. (15.09.2010)
– Há três grupos de medicamentos em que a comparticipação do Estado vai ser significativamente reduzida, o que significa que o preço pago pelo utente aumenta. (18.09.2010)
– O Governo aprovou a eliminação do aumento extraordinário de 25 por cento do abono de família nos primeiros e segundos escalões e cessa a atribuição deste subsídio aos quarto e quinto escalões de rendimento. (08.10.2010)
– O Governo tira, a partir de hoje, o abono de família a 383 mil famílias portuguesas, com rendimentos mensais de 628 euros. (01.11.2010)
– A taxa de desemprego em Portugal subiu para 10,9%, no terceiro trimestre do ano, um novo valor recorde. ( 17.11.2010)
– Passes sociais e bilhetes dos transportes vão subir até 4,5%. (20.12.2010)
– Portugueses compram menos remédios e já pedem crédito nas farmácias. (18.02.2011)
– Novas regras cortaram 60 euros por mês no subsídio de desemprego. (04.03.2011)
– Perto de 460 mil portugueses perderam abono de família no último ano. (07.03.2011)
– Governo corta nos apoios aos alunos deficientes. (23.04.2011)
(etc)

Os números não mentem. Mas já sabemos quem nos quer enganar.
E nunca mais chega o dia 5 de Junho.

Share

Pax Julia Passatempo #16

27 de Abril de 2011

1 – Quem desempenha o papel de Nina no filme que estará em exibição no Pax Julia em 29 de Abril?

2 – Em que filme a referida actriz foi nomeada para o óscar de melhor actriz secundária?

Respostas para a caixa de comentários, com indicação de nome e endereço de email válido, até às 21h00 de dia 28.
Oferta de 2 convites duplos para assistir ao filme referido em 1.

PASSATEMPO ENCERRADO

Share

Gente foleira

26 de Abril de 2011

A história é conhecida e tem origem no facebook:

O pior vem depois. Para além da foleirada seguidista e que diz amén a tudo o que cheire a Sócrates, o deputado Lello vem justificar-se: foi involuntário. Tal como um arroto ou um traque, dados em público por gente foleira. Alguns ainda dizem “perdão”. Outros culpam o Blackberry. E nós é que temos de os sustentar.
E nunca mais chega o dia 5 de Junho…

Share