Set 27 2010

A teia

Publicado por as 13:00 em A minha cidade

Ao longo de mais de três décadas, o PCP foi criando, através dos seus agentes políticos, uma teia de interesses espalhados por várias empresas e actividades. A Câmara Municipal de Beja (ou a sede da Rua da Ancha) era o centro dessa teia, donde emanavam as indicações, as ordens, os caminhos a seguir. Foi-se formando e alargando uma teia de amigos e de interesses, com o objectivo de servir as clientelas partidárias.
Desconhecida de muitos mas sentida por outros tantos, a teia ia aumentando à medida do tempo e das ambições dos seus tecelões.
Com as últimas eleições autárquicas, alguns desses tecelões desapareceram. Mas os fios da teia permanecem e começam, aos poucos, a revelar-se.
Repare-se o que está nas entrelinhas desta notícia e nas declarações do responsável da AMALGA: os municípios do PCP criaram uma Associação (AMAGIA) que, mesmo sem vida própria, começou a contratar trabalhos. Fomentada e alimentada por Francisco Santos (PCP), presidente da Câmara de Beja, a AMAGIA acabaria por morrer. Porém, ela já se iria constituir como um fio da teia. Foram feitas encomendas de serviços e apalavrados os respectivos pagamentos. Como pertencem todos ao mesmo Partido – à teia – não surgiriam dificuldades.
No entanto, as eleições – uma chatice – deram um enorme rombo no núcleo central da teia. E agora, entre intermediários e congéneres, a teia vai ficando à vista de todos.
Que mais virá a seguir?

Share

17 Resposta a “A teia”

  1. Paulo Nascimento diz:

    Caro João.

    Não duvido das suas palavras. Têm com certeza muita razão no que escreve.

    Após três décadas de PCP na CMB, tal não é de espantar.

    Até acrescento que mudei de ares partidários, por ter conhecido certas pessoas no PCP, e constatado muitas incoerencias entre ideologia e pratica politica.

    Fiquei muito satisfeito na noite eleitoral, quase triste por não me poder juntar a comitiva socialista e festejar com eles.

    Fazia muita falta uma diáspora na oposição á malta do PC.

    Mas…

    infelizmente isto passsa-se em todo o país, com todas as cores, e não só nas autarquias, também a nível nacional, de direcções centrais, etc….

    E noto que está muito preocupado em expor os abusos dos comunistas, mas mal o vejo a expor os mesmos abusos, em outras forças partidárias, em particular os seus camaradas.

    a sua preferência em atacar apenas uma das facções, tira-lhe alguma da sua credibilidade, por muita razão que tenha nas suas denuncias.

    Desafio-o a denunciar todos os abusos de igual forma, sejam lá de que cor forem, inclusive do meu bloco.

    A nossa democracia precisa de transparência , e estas pessoas devem ser expostas. sejam elas quem forem.

    PS:

    Ainda hoje não percebo qual a necessidade dos Bombeiros terem uma direcção comunista.

  2. João Espinho diz:

    @paulo – refiro-me, normalmente, à minha cidade e à força política que a tem dominado. Não duvido que noutros concelhos governados por outras forças políticas não se passem as mesmas situações. Quanto ao meu partido, não me pode acusar de ser uma voz cega e de não denunciar situações que chegam ao meu conhecimento.
    Para além disso, as primeiras páginas de jornais e telejornais estão cheias de notícias sobre irregularidades em autarquias do PSD; do PCP nada se ouve, como se o PCP fosse um Partido de virgens (é assim que se tentam fazer passar). Daí, talvez, a minha insistência em levantar algumas questões “incómodas”.

    PS: em autarquia comunista é conveniente ter uma direcção de BV que seja da mesma cor. E quem diz BV diz noutras áreas.

  3. ze de beja diz:

    ka pois….!
    e já agora descubram lá o papel dos ciganos nessa teia……

  4. Paulo Nascimento diz:

    @João Espinho

    Bem respondido, tem razão sim senhor.

    efectivamente já o vi a mandar farpas a toda a gente, até a camaradas seus.

    Foi apenas uma pequena provocação minha. 🙂

    PS:

    Talvez esteja na hora dos bombeiros mudarem de ares. 😉

  5. Regina Reis diz:

    Caro João,
    É sempre bom sermos isentos e denunciarmos o que acharmos por bem, obviamente com provas do que falamos ou escrevemos.
    Os telejornais e os jornais não estão só repletos de irregularidades nas Câmaras PSD, também estão cheios de irregularidades do actual Governo.
    Quanto ao PCP não acredito que seja um “partido de virgens” como refere no entanto acredita que se existissem irregularidades dignas de jornais e telejornais isso ficaria na gaveta?? Não sejamos ingénuos
    Concretamente em relação a Beja, muito se tem falado nas irregularidades existentes na Câmara, mas o que já foi provado?? No meu entender muita parra e pouca uva do Dr. Jorge Pulido Valente, e enormes desculpas de quem nada propõe!

  6. FB diz:

    Esperam os comunistas pela pancada judicial no distrito.

    Eles os comunas até fazem concertadamente silêncio pelos incómodos das campanhas eleitorais autarquicas nos concelhos de Cuba, Ferreira, Mértola e Beja, realizadas nas instalações e com os meios da Câmara Municipal de Beja.

    Mas apesar de até à data nenhum média nacional ter pegado no assunto e estando ele no Ministério Público e na Polícia Judiaciária e com o processo a decorrer, ele irá decerto estoirar próximo às próximas eleições autarquicas em 2013 e esse era por demais visível mais um conjunto de ” fios ” da enorme teia.

    Vai mais uma ajuda informativa da rua da Ancha ?

    Perguntem por que é que a Coop. Prol. Alentejano tem dado prejuízos nos últimos anos e a anterior presidente ” fugiu ” e entregou a ” pasta ” a outro elemento que já disse publicamente que têm que vender uma propridade avaliada em cerca de 1 milhão de euros, para pagar os empréstimos bancários já que os investimentos não foram devidamente acautelados no passado recente.

    Sabem quem é o actual presidente remunerado da Coop. é isso mesmo! É o filho do presidente da direcção dos Bombeiros de Beja e eventualmente o próximo cabeça de lista do PCP / CDU à Ca. Mun. de Beja, tudo isto é a TEIA …

  7. MANEL DAS MALVAS diz:

    Mas o rapazinho da Cooperativa não tinha sido colocado pelo PCP , e óbviamente pelo paizinho , numa empresa municipal no tempo desse cromo que dava pelo nome de Xico Santos ?

    Só é lamentável que a Cooperativa vá rebentar e que simultâneamente vá acrescentar mais 100 desempregados aos muitos que já existem no Distrito de Beja.

    De facto J. Espinho tem toda a razão quando fala da teia do PCP ( CAMARA + EMAS + AMALGA +DIÁRIO ALENTEJO +ASSOCIAÇÃO MUNICIPIOS +BV + COOPERATIVA + VOZ PLANICIE , ETC ETC)

    Os Italianos chamariam ” LA PIOVRA “

  8. Celso Pereira diz:

    ” Sabem quem é o actual presidente remunerado da Coop. é isso mesmo! É o filho do presidente da direcção dos Bombeiros de Beja e eventualmente o próximo cabeça de lista do PCP / CDU à Ca. Mun. de Beja, tudo isto é a TEIA … ”

    – Que por sua vez é o ex-marido da presidente de junta de Albernoa. A mesma que arranjou o tacho na Câmara através do presidente da direcção dos Bombeiros de Beja.
    TEIA…?!!!………..não acho.

    Cumpts,

  9. Pedrada no Charco... diz:

    Esta Teia de décadas é mais parecida e sinónimo de um ” POLVO ” avermelhado e é um entre muitos tristes exemplos reais …

    Mais uma achega nesta participação o dito filho do presidente das mangueiras e agora presidente coop., por motivos óbvios já teve que deixar a empresa e é hoje quadro superior da autarquia bejense, foi esta a recompensa cozinhada com o Xico Santos, o pai e o partido comunista português ” eles não dão ponto sem nó “.

  10. Rato dos Pomares diz:

    Este post está muito morninho. “Sem sal”. Salvaguardando a devida distância, faz-me lembrar a história do Homem das Barbas e do outro que se chamava Pedro que repetia a mesma coisa três vezes e de um galo que havia de cantar. Curiosamente quer parecer-me que à medida que se mexer no pote que contém “a coisa”, e “a coisa” começar a borbulhar e a exalar, Pedro poderá vir a ser o cognome de muito boa gente, por aí!
    Na! Seguramente os “servidores” estão em baixo? “No net no fun”.

  11. João Espinho diz:

    @rato – o excesso de sal é prejudicial à saúde.

  12. Sócio Coop diz:

    Caro João

    Não devia permitir no seu blogue que se difamassem pessoas, mesmo que não goste delas.

    Quanto à Cooperativa que é o que aqui me trás, cumpre referir o seguinte:
    1- O anterior Presidente não fugiu, existiram eleições legitimas e só não concorreu quem não quis;
    2- O Presidente da Coop não é remunerado;
    3- A Coop não só, não vai encerrar, como vai abrir mais duas lojas;
    4- Os 100 funcionários não vão ser despedidos, embora exista congelamento salarial

    Bastava ter ido às Assembleias gerais para perceber isso.

    Como é obvio não se deve entrar por muitos campos sinuosos, senão tb teriamos de perguntar, como é que p Sr Celso entrou no banco, e se isso não se deveu ao dinheiro do paizinho? Mas não vamos entrar por aí campos senão a resposta era diferente…

    A Coop é uma empresa Plural e dá trabalho a muita gente de diversas cores partidárias e é errado pensar que o seu Presidente, só o é porque é filho do seu paizinho.

    Para se se saiba o dito Sr Dr, é Vice -Presidente da CoopLisboa e Vice – Presidente da Federação Nacional de Cooperativas de Consumidores e sei que não chegou lá pelo paizinho que tem, mas sim pelas suas competências.

    E Sr Espinho, como sabe a Coop faz tb muitos trabalhos com a empresa do seu irmão, segundo me consta.

    Por favor parem de difamar as pessoas, pois estas que referem são pessoas competentes e com prestígio inclusivamente Nacional e muito pouco reconhecidas em Beja, por alguns.

    Quanto ao resto, só quero referir que ser filho de alguém, ou pai de alguém ou primo de alguém não é nenhum desprestigio, pelo menos neste caso, ou será que quererá ver apontado o dedo aos seus descendentes por serem filhos de quem são?

    Um abraço

    Sócio Coop

  13. João Espinho diz:

    @sócio coop – os “difamadores” estão devidamente identificados e são responsáveis pelo que escrevem. Outros comentários foram aqui escritos e que não viram a luz do dia, pois a “difamação” partia de anónimos não identificados.
    É verdade que não se devem misturar as relações familiares com cargos que se desempenham e que deve ser a competência a prevalecer. Terá sido seguramente por isso que você evocou o trabalho de um irmão meu (não sei bem a que propósito)?
    Sublinho ainda que a teia, quer queira quer não, tem sido também tecida por laços e relações familiares. Conhece alguns exemplos, não conhece?

    Cumprimentos

    Outro sócio 🙂

  14. Sócio Coop diz:

    A “teia” existe em todos os partidos. Precisa-se de todos, sejam eles do PSD, do PC, do PS, do BE, do CDS… De todos

    Agora difamar as pessoas e permitir que isso aconteça, ainda para mais quando os comentários são moderados, João! Por favor!!!!!! No meu entendimento você deve ter algo contra essas pessoas para permitir que essa difamação se faça… e isso é incorrecto.

    Pelo que me consta, o trabalho que está a ser desenvolvido na Coop é meritório e, se é sócio Coop deve saber isso. Se não sabe é porque não quer.

    A Coop é só a maior organização associativa do concelho de Beja, com 9800 sócios e uma das dez empresas mais importantes e neste momento está a ser reestruturada com base num estudo de viabilidade económica e financeira elaborado por um dos mais reconhecidos Professores Catedráticos de Economia e Gestão deste país ( Professor Pires Caiado). Será que a Coop está tão mal como dizem e querem fazer passar? Eu sei que não pois ouvi e li as declarações do Presidente no Correio Alentejo. Só que querem passar a mensagem que a Coop está mal por estar a ser dirigida pelos comunistas. Esse é que é o problema.

    Tratar assim as pessoas que dirigem a Cooperativa e os Bombeiros é difamatório e será tratado certamente nos locais certos. Se fosse comigo era assim.

    E não tenha dúvidas, um dos mais sérios candidatos da CDU à CMBeja é Rodeia Machado. Pelo que foi e pelo que é.

    Exigia-se mais respeito para com uma pessoa que deu tanto por Beja como ele e, que ainda hoje exerce cargos de relevância Nacional, como é o caso da Vice-Presidência da Liga dos Bombeiros de Portugal.

    O problema é que existem uns que só vêm a árvore esquecendo-se que tb existe a floresta.

    Um abraço

  15. Praça da República » Tachos e panelas diz:

    […] Os leitores desta Praça, sempre muito atentos, vão adivinhar: 1 – Quem é o vereador/trabalhador? 2 – Que funções desempenha o referido trabalhador na COMOIPREL? 3 – Isto tem alguma coisa a ver com a teia? […]

  16. Celso Pereira diz:

    @ Sócio Coop

    Carissímo(a), eu não entrei no banco, eu entro no banco….todos os dias úteis….e pela porta da frente. Além disso, eu não difamei ninguém, só constatei factos contra os quais não existem argumentos. E dou o nome, ao contrário de 99,9 % dos comentadores deste blog, incluindo o senhor(a).

    P.S. : ” caminhos sinuosos ” ?!! – Isso deve ser para rir, ou não ?!

    Cumpts,

  17. less is bore diz:

    pois..mas as “células” continuam!!