Arquivo de Outubro de 2009

fotografia

24 de Outubro de 2009


foto: joão espinho

Share

bom fim de semana

23 de Outubro de 2009


foto: cristina rivera

Share

23 de Outubro de 2009

sextas à tarde que parecem segundas de manhã.
até já!

Share

Uma palavra apenas

23 de Outubro de 2009

No regresso de um jantar onde as palavras escondiam as emoções e estas encurtavam os discursos, alguns feitos de silêncios estridentes e gestos invisíveis.
Uma palavra apenas, uma expressão: um abraço.

Share

A água é um bem precioso

22 de Outubro de 2009

Principalmente quando se chega a casa e as torneiras estão secas.
Valha-nos a voz simpática da senhora da EMAS que nos telefona a informar que “lá para as 7 e meia, oito horas“.
Assim seja!
Até logo.

Share

Bloff!

22 de Outubro de 2009

O argumento do Presidente da Assembleia Municipal é um balde de areia jogado para os olhos dos munícipes: “se tivesse mudado o local, e depois de ter mudado a força política que lidera os destinos da autarquia, poderia haver uma interpretação negativa pois poderiam dizer que a mudança de local seria para retirar dignidade ao acto da tomada de posse”.
Não foi o próprio Jorge Pulido Valente que solicitou a alteração do local?
Quando as decisões municipais bejenses são tomadas na Rua da Ancha, o resultado só pode ser um verdadeiro … Bloff!

Actualização
Sobre o assunto ler:
Uma questão de posse

Share

Fantasmas

21 de Outubro de 2009

O PCP está a ter sérias dificuldades em aceitar as derrotas.
Na vila de Cuba os comunistas dizem que houve “eventuais irregularidades” no recenseamento eleitoral ” com a inscrição, já depois das eleições para o Parlamento Europeu, de cidadãos de fora do concelho”.
Ora aí estão os fantasmas que perseguem o PCP. É que ” a Rádio Pax consultou os dados relativos ao concelho de Cuba no que se refere aos 3 processos eleitorais decorrentes este ano de 2009 e constatou que para as eleições europeias estavam inscritos em Cuba 4178 eleitores e para as legislativas e autárquicas houve uma redução do número de inscritos para 4164 nos dois últimos processos eleitorais.”
Que chatice….

(ler notícia)

Share

in memoriam

20 de Outubro de 2009

Num momento de profunda tristeza, só me ocorre relembrar o primeiro “Olhar…” que Horácio Flores trouxe aqui à Praça.
Um abraço, caro Dr Flores, e obrigado por me ter ensinado a olhar.

971411harmonia_foto-joao-espinho.jpg
foto: joão espinho

Quando se deu o advento da fotografia, sobretudo a sua acessibilidade ao grande público, ter-se-ão, muito provavelmente, cometido dois enormes erros de prognóstico:
– que a nova técnica iria ter um papel meramente de documentação, sem nunca vir a atingir o nível de expressão artística
– que com o aperfeiçoamento da técnica, designadamente o então futuro domínio da cor, a pintura figurativa tinha os dias contados
E o que se veio a verificar foi que a pintura figurativa se manteria, a par da abstracta, que a fotografia ganharia as suas esporas de ouro para ser considerada como prestigiada arte plástica. E que poderia traduzir uma mensagem, como no caso vertente, ou até ter uma expressão artística parcial ou mesmo predominantemente abstracta.
Não tem, assim, qualquer sentido falar em competição entre a pintura e a fotografia: são duas modalidades diferentes de arte, de captação e expressão da beleza, como a escultura, a música, a literatura.
Horácio Flores

Share

O fundamentalista ateu

20 de Outubro de 2009

“Quando o assunto é Igreja, a cegueira do Nobel é proporcional à de um fanático religioso”.
Francisco Camacho in “i”

Share

Inquérito

19 de Outubro de 2009

Share

Desculpem-me

19 de Outubro de 2009

Mas não há tempo para escritas.
Até já!

Share

caras novas, velhos discursos

18 de Outubro de 2009


foto: Sérgio Lemos (Correio da Manhã)

Rita Rato é um dos novos rostos do PCP na Assembleia da República. Um rosto bonito, com 26 anos. Mas a novidade fica-se por aí. O discurso é este:

    Concorda com o modelo que está a ser seguido na China pelo PCC?
    – Pessoalmente, não tenho que concordar nem discordar, não sou chinesa. Concordo com as linhas de desenvolvimento económico e social que o PCP traça para o nosso país. Nós não nos imiscuímos na vida interna dos outros partidos.
    Mas se falarmos de atropelos aos direitos humanos, e a China tem sido condenada, coloca-se essa não ingerência na vida dos outros partidos?
    – Não sei que questão concreta dos direitos humanos…
    O facto de haver presos políticos.
    – Não conheço essa realidade de uma forma que me permita afirmar alguma coisa.
    Mas isto é algo que costuma ser notícia nos jornais.
    – De facto, não conheço a fundo essa situação de modo a dar uma opinião séria e fundamentada.
    in “domingo” suplemento do Correio da Manhã, 18.10.2009

Rita Rato é licenciada em Ciência Política e Relações Internacionais (UNLisboa) curso onde, seguramente, só deverá ter ouvido falar nos prodígios da URSS.
Tão novinha e já com um discurso tão … velho!

Share