Jun 09 2009

Sem comentários

Publicado por as 9:21 em A minha cidade

Polícia de Beja agredido por indivíduo de etnia cigana.

Share

18 Resposta a “Sem comentários”

  1. Bocana diz:

    AAIIII::: Pode lá ser…O cigano não faz mal a ninguém…O policia é que se portou mal…
    AAAIIIII….

  2. Toni Galentano diz:

    Será que este não conseguirá ser reinserido, mesmo que demore muito tempo.
    Tal como é a opinião de um vereador da Câmara Municipal de Beja.

  3. Vasco diz:

    Hoje em dia bate-se num polícia e sai-se em liberdade! Isto os ciganos são cidadãos de primeira, fazem o que lhes dá na real gana e consequências não costumam estar na ordem do dia, além do mais recebem tudo o que é subsídio e semelhantes, não pagam renda de casa, têm Magalhães, portáteis desses e-escolas de mão beijada e a custo zero, livros, material escolar e tudo demais de graça e ainda lhes pagam para ter os moços a estudar, recebem de subsídios e semelhantes mais que o português médio de ordenado a trabalhar (já tinha referido?, merecia ser referido outra vez), mas depois ainda são os coitadinhos, e que são ostracizados e moralismos do género. É de admirar que o resto da população não goste deles?

  4. " Hobby and lobby " diz:

    Digam-me com que vontade ficam todos os polícias de Beja, de deter um ou mais ciganos a praticar irregularidades e de levarem porrada e irem receber tratamento ao Hospital, se depois o Tribunal os manda para casa, com obrigação de apresentação e julgamento defenitivo daqui a uns anos, sabe-se lá quando serão absolvidos ou penalizados ?

    Isto é a JUSTIÇA que os tribunais fazem, e não lhe chamem Estado porque nestas matérias os governos nada podem decidir !

  5. El Juanito diz:

    Aiii, atão na foi o policia que bateu com a cara no punho do mê zei?!
    Aiii, são capazes de dizer tudo do mê zei!
    Ainda ontem fui eu que lhe bati com a cara no pei! Coitado do mê zei ainda lhe vão dar mais um ordenado minimo por causa disso!
    Assinado:
    mariazinha lelona

    LOL!

  6. maltes diz:

    Pois parece que não foi a Camara de Beja que aprovou o código penal, parece que não foi a Camara de Beja a criar os subsidios tipo rendimento minimo, não é a Camara de Beja que controla a identificação das pessoas, ciganas ou não, mas sim o Arquivo de identificação Nacional sob a alçada do poder central.
    A Camara de Beja que eu saiba nunca esteve no governo, nem sequer os partidos que ganharam as eleições para a mesma e legitimamente têm o poder.
    A Camara de Beja em relação à etnia cigana tem ido por outro caminho, aliás reconhecido por especialistas não só nacionais mas tb para além fronteiras.
    Integrar respeitando a etnia é sem dúvida o caminho certo, não com a atribuição de subsidios para comprar votos.

  7. João da Silva diz:

    maltes: Integrar quem…. Os ciganos?
    Nem tu acreditas naquilo que estás a dizer. Vai à mata em frente à EDP e olha para o chiqueiro que ali está.

    Basta de hipócrisia dos politicos. E sobretudo daqueles ligados à Câmara de Beja.
    Quem é que disse alguma vez que esta Câmara fez alguma bem feita em relação aos ciganos? Quem ?
    Deixá-los fazer casamentos em frente às piscinas cobertas? para que fique tudo à volta transformado numa ligeira?
    Tu è que devias ser obrigado a ir lá varrê-lo.

    Se alguém alguma vez quizer fazer alguma coisa pelos ciganos, a primeira será que terão que ser responsabilizados tal como os não ciganos pelos seus actos.
    E não desculpabilizados por tudo o que fazem. A isso é que se chama igualdade, responsabilidade, anti-racismo e anti-xenofobia.

  8. El Juanito diz:

    AAAIII sr. João da Silva! Atão os ciganitos fazem algum chiquêro, ou lá o que isso éi?!
    Atão já não se pode fazer a pôiazita ao ar livre?!
    Isso já ei muita maldade, a ciganada quer viver em paz, é algum crime andar ás vossas costas?!
    Os senhoires são xerófulos e rancismos, essa é que éi a verdade, verdadinha!

    🙂

  9. João diz:

    Deixaram-nos fazer um casamento em frente às piscinas cobertas? Incrível… Incrível…

  10. Regina diz:

    Ás tantas nem era cigano…era algum metrasexual que abusou no solário :p

  11. maltes diz:

    João Silva acho que não leu o que escrevi, ou se leu não sabe interpretar português, de discursos populistas e pimbas está o mundo cheio, estude um pouco mais estas questões e aí sim opine, sem deturpar o que outros dizem.

  12. bejense diz:

    politiquices e camara de Beja à parte de-me UM exemplo de sucesso na integracao com o respeito pela diferença, de-me UM exemplo em que os ciganos RESPEITEM as pessoas nao ciganas, no hospital, nas escolas, no centro de saude, na estrada, nos hipermercados, etc etc. dê-me um exemplo de uma familia cigana em Beja que perceba q a sua liberdade acaba onde começa a dos outros

  13. pois diz:

    Os habitantes de Figueira dos Cavaleiros é que a sabem. Sigam-lhes o exemplo e mais não digo.

  14. jorgem diz:

    Somos reféns no nosso País, à conta desta gentalha!

  15. El Juanito diz:

    Eh eh eh!
    Voltamos à velha conversa dos lelinhos.
    Na verdade já não há mais nada a conversar sobre o insucesso de integração dos lelos na sociedade.
    Mas a verdade seja dita, apesar deste insucesso, continua-se-lhes a pagar avultadas somas a pretexto de rendimento minimo.
    Uma pergunta, alguém lhes perguntou se queriam ser integrados na sociedade?
    Acho que não, até porque se lhes tivessem perguntado a resposta seria.
    -Trabalhar faz calos!
    Ou ainda.
    -Trabalhar é bom pró pr…to!
    Mas enfim, como gostamos de escrever, cá vamos escrevendo os nossos desabafos de indignação.
    Isto só melhorará quando tivermos por todo o país, localidades como Figueira dos Cavaleiros.
    Cumps!
    Ah! Não se esqueçam de pagar as vossas contribuições, os lelinhos agradecem. (acho que na verdade nem sequer agradecem)

  16. bejense diz:

    contem la a historia ou a «estoria» de figueira de cavaleiros aqui ao ignorante sff

  17. El Juanito diz:

    Simples!
    Após uns desacatos que por lá fizeram, o povo expulsou-os de lá para fora. E ao que se sabe, nunca mais lá pousaram.
    E nem por isso a terra se passou a chamar “Figueira de Xenófobeiros”.

  18. Tenho dito diz:

    Para integrar alguem é preciso que esse alguém queira ser integrado. O que definitivamente não é o caso, muito pelo contrário. Os ciganos são do mais racista e xenófobo que se pode imaginar e da integração só querem a parte dos direitos e subsidios e rendimentos minimos e etc, porque deveres não é com eles.

Deixe Uma Resposta