Abr 27 2009

As ruas de Mísia

Publicado por as 10:00 em Geral

Cruzei-me com ela numa noite em Bona. Desde então que a acompanho.
E é da Alemanha que me mandam a sua voz do seu duplo CD. Com fado. E muita poesia.
Mísia não precisa de provar nada. É a maior. Fadista. Insuperável.
E esta é uma paixão diagonal. (“do que fala a madrugada/o murmúrio na calçada/os silêncios de licor/de que fala a nostalgia/de uma estrela fugidia/falam de nós, meu amor”)

Share

Não são permitidos comentários.