Set 30 2006

ADIVINHA -1-

Publicado por as 12:50 em A minha cidade

Adivinhem em que cidade é que os membros da comunidade cigana podem estacionar as suas carrinhas de forma anárquica, em cima dos passeios, na presença de agentes da PSP e sem que sejam alertados para o incumprimento da lei e das regras mínimas de civismo.
Que cidade é essa, sabem?

ciganos estacionam como querem sem serem multados.jpg
foto: zé espanhol

Share

35 Resposta a “ADIVINHA -1-”

  1. ventura diz:

    Realmente esta foto é a prova que as leis é só para alguns,ser gigano é isento e pode fazer o que lhes apetete e se as portas da igreja fossem maiores até lá entravam as carrinhas.

    Isto é em Beja não é ?

    Quem tem sido multado por mau estacionamento devia de ter o retorno da multa
    ao saber disto ou perguntar a quem de direito porque se procede assim.

  2. Quintanilha diz:

    É em Beja! Comunistas e ciganos é quase a mesma coisa!

  3. re21 diz:

    A imagem reporta o quê?, carrinhas dos ciganos num funeral?num casamento?num julgamento?,já agora se faz favor gostaria de saber, obrigado…

  4. kALiAs diz:

    Isto é uma vergonha, já quando há um cigano doente no hospital então aí o hospital torna-se num caos total. E o pior é que já toda a gente sabe que a PSP nada fazporque os teme e assim fica cada vez mais difícil. Actualmente em Beja os ciganos vivem como autênticos reis.

  5. alquercus diz:

    Os ciganos (cada vez em maior número) fazem em todo o Portugal o que bem querem!

    Recebem o Rendimento Lelo em dois ou três distritos,e antigamente até emprestavam os filhos uns aos outros para receberem um Rendimento Lelo mais chorudo, até que os começaram a obrigar a registar as crianças!

    Os ciganos tem mais direitos que a generalidade dos portugueses (exceptuando os políticos claro!), e menos deveres que qualquer um de nós. Não trabalham, estacionam onde querem, não pagam as multas, amedrontam as assistentes sociais se não recebem o Rendimento Lelo, roubam, intrujam, ameaçam, tudo na maior das impunidades!

    Esta foto é mais uma demonstração do que digo!

    Quem nunca os viu a entrarem de rompante num hospital ou centro de saúde, aos berros, a ameaçar, a vociferar, que batem, matam,esfolam, entre outras coisas, só para serem atendidos à frente de toda a gente?

    Mas é assim este pais… forças policiais inoperantes, leis estúpias que protegem o criminoso em vez de proteger o ofendido… enfim.

  6. Anónimo diz:

    Já alguém disse:
    “Não me importava de ficar sem ordenado por passar um mês em funerais de ciganos!…”

  7. Paulo diz:

    Eu não vejo ali nenhum cigano.

  8. charlie diz:

    Adivinhar? Se calhar serão os mesmos que inventaram o eufemismo de chamar parque nómada ao condiminio fechado que lhes foi oferecido a troco de nada.

  9. nikonman diz:

    @re21 – velório (funeral).

  10. Inculto diz:

    Mas alegrem-se q o mais importante é que passou a haver -1 cigano em Beja….

  11. zig diz:

    n. c.

  12. ventura diz:

    Este domingo fui ao cimitério de Beja e na zona dos gavetoes onde ficou este cigano ( tudo indicava isso ) estavam lá
    presentes, mas vivos mais que cinquenta ciganos…agora penso quem tem familiares nesses locais, como podem essas pessoas estar perto e em sussego quando vão também
    querer estar perto dos seus,é impossivel.

    O que parece também impossivel é muitos dos ciganos mais pequenos entre os 6 anos e os 12, andarem a passear ou brincar junto das campas
    de quem nem lhes pertence,e ninguem lhes chamar a atenção para nao
    estarem nesses locais.
    Mas onde se metem os funcionarios ou responsaveis por este local?
    Cigano manda em todo o lado,tamos bem entregues.

  13. re21 diz:

    Nikonman, é evidente que o velório era de alguêm importante na comunidade cigana, basta ver o número de carrinhas e carros estacionados, é um momento muito particular na vida da comunidade cigana, quando alguêm morre e suponho ser alguêm de muito respeito nessa comunidade, é certo que as carrinhas e os carros estão mal estacionados mas estamos perante algo de excepcional, pelo que me é dado a ver a circulação automóvel era possível, e é claro e óbvio que os agentes da PSP não interviram e nem interviriam pois estão “treinados” a lidar com determinadas situações específicas, e esta era uma dessas situações.Infelizmente este post de azo a alguns comentários ao mesmo de indole racista, que a mim não me admira, pois somos um País racista e cada vez mais racista, sei no entanto que não era essa a tua intenção, mas um blog que tem comentários abertos dá sempre azo aos racistas e xenófobos a aparecerem.Um abraço.

  14. nikonman diz:

    @re21 – há dias, falando com um cigano ( e digo-o assim, pois ele disse-me que aquela coisa de os tratar por “alguém de uma etnia” não lhes diz nada) relatou-me factos que o entristeciam, pois o sentimento racista de alguns é fomentado pelos próprios ciganos. E disse-me mais: que quem defende a falta de civismo de alguns ciganos são aqueles que se dizem anti-racistas.
    Os comentários que alguns aqui deixaram poderão ser considerados racistas. Não duvido. Mas aprendendo o que aprendi na conversa que referi, estou em crer que há muito mais racismo naqueles que, hipocritamente, defendem as atitudes anti-cívicas de alguns ciganos. Tudo em nome de uma suposta diversidade cultural, pois claro.

  15. saltaPocinhas diz:

    Fui alertada para vir aqui ler este post pois escrevi sobre o mesmo assunto, embora doutro ponto de vista. Concordo com o post, mas já não posso concordar com alguns comentários: se os ciganos fazem o que querem é porque os deixam fazer!

  16. re21 diz:

    Nikonman, eu não falei em “etnia” mas sim em comunidade, comunidade essa que conheço bem e com a qual mantenho relações de amizade e até comerciais,posso afirmar que como em todas as comunidades há gente séria e gente não séria, ha gente marginal e há gente cumpridora das suas obrigações, tenho amigos na comunidade cigana e sou respeitado por eles e pelas suas famílias, mas também tenho na comunidade cigana quem não me grame, mas paciência não se pode agradar a todos assim como eles não me agradam a mim, mas a sua cultura e regras os “obriga” a respeitarem a minha pessoa.Não vou auqi contar uma história de amizade com um amigo cigano, porque me estaria a repetir, mas é muito mais que um Amigo é um Amigo, em tudo nesta vida, desabafamos os dois os nossos problemas as nossas alegrias, aconteceu há uns anos dentro de um hospital, tal a amizade que se deu perdura nos dias de hoje, tanto com esse Amigo como toda a sua Família, mas mais, caro Amigo, o ano passado tive uma rapariga cigana a trabalhar comigo no verão e este ano novamente, excelente trabalhadora, inteligente e séria, pró ano népia, vai ser uma daquelas inspectoras da ASAE,digo sinceramente, que Ela e a sua Família é gente cigana do mais sério e trabalhador de que há em Portugal.Digo isto em tom de um novo comentário à foto, na foto estamos perante um dia excpecional onde e repito nada vejo de mal, e repito tenho a certeza de que era alguêm muito respeitado na comunidade cigana e esse alguêm certamente era alguêm que muito respeitava todas as outras comunidades que vivem em Beja.Um abraço.

  17. ventura diz:

    Se os ciganos fazem o que querem é porque os deixam fazer!
    Concordo com quem escreveu isto.

    Mas já não concordo com quem escreveu, que quem acha que os ciganos fazem
    o que bem lhes apetece, sejam pessoas racistas.

  18. nikonman diz:

    @ventura – quem é que escreveu “que quem acha que os ciganos fazem
    o que bem lhes apetece, sejam pessoas racistas.”?
    Explique lá, pois os meus rins não me deixam hoje raciocionar.

  19. Moura Viva diz:

    Venham até ao Centro de Saúde de Moura, aos correios, supermercados, etc. e vejam o que é o comportamento mais primário desta étnia. Ah! Já me esquecia. Sabem o que é viver numa cidade pequena com a maior comunidade cigana do país? Não queiram saber. É vergonhoso o comportamento das forças de segurança perante estes indivíduos.

  20. coerente diz:

    Infelizmente, já assisti a funerais no mesmo local de gente não cigana e o “cenário” não era muito diferente, embora o número de presentes fosse maior. E aos sábados de manhã no mercado 25 de Abril será muito diferente? E aqueles carros serão só de ciganos? Num, como noutro caso, a responsabilidade será sempre das forças policiais, embora eu compreenda que em certas situações terá de haver algum grau de tolerância. Agora, partir desse facto para se escrever o que se escreveu em certos comentários já não me parece muito correcto.

  21. alquercus diz:

    A maior parte deles ainda não se habituou à sedentarização, pois são um povo nómadas, e como sabemos, os nómadas desenrascam-se como podem para sobreviverem. Não obdecem à lei dos “outros”, a deles é que conta.

    Eles nem as mulheres deixam estudar! Só agora com o REndimento Lelo é que os obrigam, senão as miúdas não passavam da 4ª classe!

  22. ventura diz:

    niknman

    -afinal sou eu que tenho que te fazer um desenho, eu facilito mas você só complica.
    ok, vou escrever quem foi uma dessas pessoas.
    J.Espinho já não sabes o que escreves ?
    Atão leia sff,o seu ultimo comentário,antes deste que me respondes-te agora.

    Está lá isto escrito pelo Sr, ou não ?

    (Os comentários que alguns aqui deixaram poderão ser considerados racistas )

    Santa paciencia a minha.

  23. nikonman diz:

    @ventura – “santa paciência” – tirou-me as palavras do teclado!

  24. ventura diz:

    rs

    boa noite rapaz

  25. DarthLion diz:

    Eu moro no Largo do Carmo, e sinto na pele cada vez que isto acontece. um conjunto de cidadãos toma a praça de assalto e não se pode estacionar, circular, tirar o carro do lugar para ir trabalhar.
    E não me refiro apenas aos ciganos, tambem me refiro a outro cidadãos. A GNR por exemplo. Quando morreu um gurada a jogar á bola (na alura do Feher), a praça foi interditada ao transito, havia viaturas da gnr por todo o lado e não se podia tirar sequer o nosso carro, do centro da praça. Estes de certeza com autorização do governo civil. Portanto antes de falarem de ciganos falem de maus exemplos. não podias estacionar os carros noutras zonas da cidade? custa muito andar um pouco?

  26. DarthLion diz:

    Eu moro no Largo do Carmo, e sinto na pele cada vez que isto acontece. um conjunto de cidadãos toma a praça de assalto e não se pode estacionar, circular, tirar o carro do lugar para ir trabalhar.
    E não me refiro apenas aos ciganos, tambem me refiro a outro cidadãos. A GNR por exemplo. Quando morreu um gurada a jogar á bola (na alura do Feher), a praça foi interditada ao transito, havia viaturas da gnr por todo o lado e não se podia tirar sequer o nosso carro, do centro da praça. Estes de certeza com autorização do governo civil. Portanto antes de falarem de ciganos falem de maus exemplos. não podias estacionar os carros noutras zonas da cidade? custa muito andar um pouco?

  27. ligia evanovich diz:

    antes era uma casamento.ago-ra,um velório.isso é piada!
    beja parece Springfield com
    sotaque portugues.
    Quem morreu Homer Simpsom???
    rsrsrsrsrsrsrsrsrsrsr……

  28. nikonman diz:

    @ligia – eu não fui! rsrsrsrsrs

  29. ligia evanovich diz:

    Devo rir ou chorar???

  30. nikonman diz:

    a escolha é sua!

  31. Dolores uchôa diz:

    Desculpe-me mas vc esta sendo honesto? sou cigana kalderash , com muito orgulho
    e não faço o que quero. por outro lado
    é mais facil culpar nos os ciganos , so poque somos nomades!! lembre-se sou tão brasileira quanto você!! temos os mesmos direitos e deveres !!! que avel bearthal o deula sastimos!!!!!

  32. Dolores uchôa diz:

    lembre-se
    pode ser processado por discriminação, demagogia e trato indiferente ao proximo( leia-se perjuria e difamação)sinto por pessoas como vc não ter informação…..

  33. nikonman diz:

    Baxt hai sastimos tiri patragi.

  34. sou cigano diz:

    vosses taem que levar no cu qundo falao assim dos ciganos meus grandes pandeleiros cabroes nao sejao tao racistas porcos filhos da puta,querem a piça dos ciganos e.

  35. cigano diz:

    voces ja virao algum cigano pedofilo como voces abuzao dos vossos filhos netos ou com qualquer criança os ciganos nunca ouvirao nada diço pois nao ,por isso tanho vergo nha quando falao dos ciganos pensem duas vezes.