Arquivo de Julho de 2005

AUTÁRQUICAS 2005 – ALIANçAS PSD/PP

26 de Julho de 2005

O título “PSD e PP unidos no distrito de Beja”, que acabo de ler no NotíciasAlentejo é um erro. Voluntário ou não, o facto é que a notícia dá conta das intenções das Comissões Políticas Distritais de ambos os Partidos em concorrer coligados aos órgãos autárquicos de alguns concelhos do Distrito.
Segundo ouvi ontem o responsável distrital do PP, este partido mantém as listas abertas até ao último minuto. Isto é: as intenções publicamente manifestadas poderão não se traduzir em efectivas coligações, para além das já anunciadas em Alvito, Cuba, Mértola e Aljustrel.
Ora, dizer que PSD e PP estão unidos no Distrito de Beja, não passa de visão distorcida da verdade. Resta agora saber se este título é uma brincadeira (de mau gosto) da redacção do NA ou um lapso de interpretação.

Share

AGRADEçO…

25 de Julho de 2005

…a Mário Soares a sua disponibilidade para se candidatar ao cargo de PR.
Assim, o meu voto em Janeiro terá duplo valor: eleger Cavaco Silva e derrotar Mário Soares.
Abençoada maçonaria!!!

Share

ALENTEJO

25 de Julho de 2005


foto: joão espinho

Share

Que pena….

24 de Julho de 2005

A Direcção Geral de Viação veio esclarecer:

Considerando as dúvidas que têm vindo a público sobre a correcta forma de
transporte e uso dos equipamentos em apreço, importa esclarecer o seguinte:

Share

A PUTA

23 de Julho de 2005

Subi as escadas. Vagarosamente.
A verdade estaria nua, despida e solitária.
À minha frente e sem que eu olhasse.
Um grito. Uma janela que se abre.
Um sorriso malicioso.
Uma boca a escorrer o veneno do outro.
Sem palavras e um abraço forçado.
Um lamento de mentira e humilhação.
Ao toque da mão destapei-me.
Acedi ao teu pedido.
E entrámos nos lençóis. Sujos e enrolados.
De noites de demência.
Quando os corpos jorram prazeres.
Manchados de luxúria a troco de notas.
Os lábios marcam a cadência, ordenada.
Depois desgovernada a boca circunscreve.
Faz crescer a ânsia e encerra-se.
Em círculos e humidade.
Mais uma nota e posso trepar.
Cobrir-te com o meu corpo desejoso.
Do teu sexo que lavas e enxugas.
À espera do freguês que indemnizará.
Com leite e dinheiro a puta de vida
Que escolheste para matar.
Com pão a fome do teu filho.

Share

CONTO DA MADRUGADA -14-

22 de Julho de 2005

Todos os preparativos para a festa do seu grande dia lhe haviam dado algum trabalho. Sem ninguém que a pudesse ajudar, Júlia tratou de tudo.
Sabia que a véspera daquele dia lhe iria reservar seguramente muito cansaço, mas também o desejava, pois queria gozá-lo com toda a intensidade.
Telefonou a algumas amigas, a desmarcar a tradicional festa de despedida, alegando uma enorme fadiga. Elas compreendiam-na e sabiam que a qualquer hora Júlia lhes poderia pregar uma surpresa.
Tomou um relaxante banho de imersão, com sais aromáticos, que ela própria fizera com óleos e perfumes escolhidos para aquela ocasião.
Sentia-se agora mais revigorada.
Pegou no telefone e ligou para o Luís.
Enquanto esperava que ele chegasse, preparou o ambiente para que ambos se sentissem tranquilos e perfeitamente relaxados.
Tal como Luís sugerira, vestiu algumas das peças que iria usar no dia seguinte.
Olhou-se ao espelho e gostou de se ver.
Quando ele entrou beijaram-se como na primeira vez em que o haviam feito.
Amaram-se até ao nascer do Sol.
Enquanto tomavam o pequeno-almoço, ela pegou-lhe na mão e com um ar provocador diz-lhe: “Daqui a algumas horas seremos marido e mulher. Vamos acabar a festa de solteiros?”
(beijinhos à B. que amanhã vai casar e que a vida lhe sorria sempre)

Share

FUTEBOL E FINANçAS

21 de Julho de 2005

Não, não vou falar sobre os Clubes que devem ao fisco.
Venho aqui para dizer unicamente que o meu Sporting empatou 2-2 contra o Celtic, em Glasgow.
Pronto. Esta é a parte importante do post.

A menos importante, porque vulgar:

Sobre as Finanças é só para sublinhar o facto de Teixeira dos Santos, novo ministro das Finanças, não entregar a declaração de rendimentos e património desde 2000. Mas o Ministro tem agido com boa fé, diz o pessoal do seu gabinete.

Pronto, era só isto.

Share

QUEM VEM À PRAçA?

21 de Julho de 2005

Vamos lá então a ver quem é que vem a esta Praça.
Por enquanto fica em post. Depois vai para a lateral.
Votem lá! Basta clicar na opção que se aplica.
Eu já votei.

(depois do puzzle aí em baixo, o sector feminino afluiu à Praça)

Share

CONTO DA MADRUGADA -13-

21 de Julho de 2005

A noite cheia de luar envolvia-lhes os corpos adormecidos.
Um ligeiro toque desperta os sentidos.
Ele, com os lábios fogosos e sorridentes sugere-lhe um abraço que a cerca.
Malicioso, “queres preliminares?”, e salpicando-a de beijos, ouve sem receios “vou fazer-te uma lista do que quero”.
A lua cheia escondeu-se, por momentos, dando lugar aos reflexos de gotas de suor que se instalaram nos seus torsos.
A madrugada refrescou-lhes os corpos ardentes e a lua cobriu-os como um lençol de linho

Share

DA POLíTICA

21 de Julho de 2005

Portugal – Julho de 2005

1 – O ministro de estado e dos negócios estrangeiros não fala a mesma língua do primeiro-ministro. Dizem as más línguas que ele corre por conta própria e quer ser presidente da República. Dizem as boas línguas que Freitas jamais será o candidato do PS.

2 – O ministro das finanças sai do governo. Dizem as más línguas que esta saída se deve à contrariedade inesperada que foi a divulgação pública da pensão que aufere pelo banco de Portugal. Dizem as boas línguas que ele saiu porque o patrão do PS, de seu nome Jorge Coelho, assim o exigiu.

3 – O presidente Jorge Sampaio manda calar as vozes da depressão, porque há mais vida para além do défice. Dizem as más línguas que o Presidente falou assim porque fala a mesma língua do Governo. Dizem as boas línguas que Sampaio está atento e à espera de um final de mandato feliz.

Troquem-se as más pelas boas línguas e resultado é o mesmo: apagaram a luz ao fundo do túnel!

Share

E SUBIU TANTO…

21 de Julho de 2005

…tanto, que até as torneiras da cidade secaram.
É isso.
Beja acordou sem água. As nossas torneiras imitam a seca das terras.
Depois de uma noite escaldante, segue-se um dia cheio de aromas e odores.
Os corpos, que ao luar transpiraram, estão agora impregnados de feromonas e outras substâncias químicas. A cidade irá pulsar ao ritmo da libido e outros apetites. Será uma concentração explosiva.
Beja apetece!


foto: yuri b

Share

E A TEMPERATURA CONTINUA A SUBIR…

20 de Julho de 2005


foto: rune hermansen

… para que a noite tenha um luar escaldante.

Share