Arquivo de Junho de 2003

POLISSES

25 de Junho de 2003

Como dizem os mais contestatários “Não há condições!”.
Não é que eu me considere contestatária, mas realmente, cada vez que passo pela Caixa Geral de Depósito e olho para o placar interactivo do Programa Pólis, fico com a sensação que aquilo funciona a pilhas e devem estar a acabar, ou então funciona a energia solar e só faz a contagem durante o dia, e pára de noite! Sim, porque mesmo que aquilo esteja em contagem decrescente 24 horas por dia, o mesmo nao se pode dizer das obras que encontramos rua sim, rua sim… São buracos atrás de buracos, sinais atrás de sinais, obras atrás de obras… e parecem nao ter fim! E há uma que até dá dó!!! Fazendo jus ao nome do blog, coitadinha da nossa Praça da Republica! Quem a viu e quem a vê! Bem sei que Português que se preze gosta de ver tudo bonito e de preferência depressa, mas também parece que as cabecinhas pensadoras deste tipo de projectos são o inverso: devagar, devagarinho, parado! Ó meus amigos… (zzz…zzz…zzz)! Vamos dar corda aos braços senão qualquer dia, para alem dos cidadãos comuns, têm os comerciantes à porta a dizer que as obras lhes prejudicam o negócio e que têm que comer ao fim do mês! Com tanta manif que se prevê, só o que falta é os trabalhadores das obras alargarem ainda mais os seus intervalos para beberem mais umas cervejinhas e mandarem uns piropos à malta que passa! Para nao perder o fio à meada, resta -me dizer que aguardo ansiosamente que aquele maldito relógio acabe de contar o tempo que resta, para vermos se tenho ou não razão.

Share

CONVITE

25 de Junho de 2003

Obrigada pelo convite!!! brevemente direi de minha justiça!

Share

beja no seu melhor

23 de Junho de 2003

Afinal o Projecto de Reconversão Urbana vai mais longe. Agora chegou à Avenida Vasco da Gama. Não sei se já viram aquele sinal vertical que foi colocado no topo da referida Avenida. Um simples sinal vertical indicativo de alguns pontos de interesse público da nossa cidade. E sabem onde é que “eles” foram colocar o sinal? Não, não foi num dos passeios. Também não foi no jardim central. Imaginem que “os inteligentes” resolveram ocupar a via pública com uns blocos de cimento e no meio colocaram o sinal. Nem mais. Até me fez lembrar aquela fotografia que navega na rede e que é um bom exemplo de “Portugal no seu melhor!”. Ora os blocos de cimento estão lá para defender o sinal, pois os (ir)responsáveis pela sua colocação sabem bem que, se não protegessem aquele sinal, o coitado qualquer dia levava uma traulitada de algum condutor menos atento. Isto é o reflexo de que vai havendo falta de bom senso e imaginação precária a mais nas gentes que mandam na nossa cidade. E não lhes podemos dar uma sapatada?

Share

FALEM!

23 de Junho de 2003

E se quiserem, falem daquilo que vos atormenta na nossa cidade. Gritem bem alto!

Share

A MINHA CIDADE

23 de Junho de 2003

Vamos falar da nossa cidade de Beja. Já vai sendo tempo que alguém diga alguma coisa. Tanta obra!!! Uma cidade esventrada por um projecto cujas consequências se desconhecem. Tudo em nome do povo e do seu bem estar. Como aliás os senhores da praça da república gostam de aclamar.
Vamos a eles, que aqui nao há chefes de redacção e os vereadores ficam lá fora.
Ao desabafo!

Share