Nov 17 2019

Quem se sente incomodado?

Publicado por João Espinho


Notei, por aí, que alguns se sentiram incomodados com esta deslocação do movimento cívico Beja merece+ a Bruxelas. É natural. Não estando o BMM ancorado a qualquer partido, sendo o mais forte porta-voz das reivindicações dos baixo-alentejanos, é óbvio que os “poderes instituídos” e respectivos apparatchik se sintam incomodados. O que os leva a mentir e a escrever disparates.
Destaco o que escreve Lopes Guerreiro:

“A propósito da deslocação de uma delegação do “Beja Merece +” a Bruxelas, a convite da bejense deputada europeia Maria da Graça Carvalho, têm sido escritos os maiores disparates que imaginar se podia. Tudo serve para acusar todos os intervenientes de alguma coisa. Ou seja, atira-se a tudo o que mexe. E se alguém não quer ser acusado de alguma coisa, o melhor é enfiar-se nas pantufas e não sair de casa…”

Leia os factos e as opiniões no Alvitrando , no postdeixem-se de merdas!

Share

Nov 16 2019

O estado da saúde em Portugal

Publicado por João Espinho

São alguns sintomas de um Serviço Nacional de Saúde doente que o Expresso conta na edição deste fim de semana: uma pediatra esteve a ver 70 crianças entre as 8h e as 20h e acabou numa crise de choro por ter medo de errar as doses a administrar às crianças devido ao cansaço

Share

Nov 15 2019

Bom fim-de-semana

Publicado por João Espinho

Share

Nov 14 2019

Eduardo Espinho

Publicado por João Espinho

Share

Nov 13 2019

Carlos Moedas recebe Beja merece +

Publicado por João Espinho

Carlos Moedas recebeu, ontem, num jantar na Comissão Europeia, a Comitiva de Beja que se deslocou a Bruxelas, para dar conta dos principais problemas com que se debate a região com destaque para as acessibilidades rodoviárias e ferroviárias assim como as questões da saúde.
Acompanhe através das redes sociais as actividades do BMM em Bruxelas.
Calculo que o Presidente da CMB já tenha escrito um longo post no Facebook pessoal a apoiar a luta dos bejenses.
Beja merece+

Share

Nov 09 2019

Foi há 30 anos

Publicado por João Espinho

Share

Nov 08 2019

Correio Alentejo

Publicado por João Espinho

Share

Nov 08 2019

Bom fim-de-semana

Publicado por João Espinho


foto: Lovchenko Anton

Share

Nov 08 2019

Beja merece+ vai ao Parlamento Europeu

Publicado por João Espinho


foto: joão espinho

O Beja Merece+ vai a Bruxelas nos dias 12 e 13 deste mês. Leva uma embaixada do Alentejo, com 25 pessoas que acreditam no futuro da região, para ser ouvida sobre acessibilidades rodoviárias, ferroviárias e aeroporto, assim como sobre serviços de saúde. O Beja Merece+ quer que Bruxelas pressione o Governo a olhar de outra forma para o Alentejo e que ajude a região a ficar ligada à Europa. (ler aqui)

Na página Beja merece + pode ler o programa da deslocação, os nomes dos participantes e o destaque para o Instituto Politécnico e Câmara Municipal de Ferreira do Alentejo, entidades que disponibilizaram os autocarros onde os participantes farão as viagens de ida e volta para o aeroporto de Lisboa.

Na impossibilidade de participar fisicamente, desejo os maiores sucessos nesta missão. O sucesso desta embaixada, será o sucesso do Baixo-Alentejo.
Beja merece +

Share

Nov 08 2019

Concelhia de Beja do PSD questiona

Publicado por João Espinho

Leia aqui o comunicado.

Share

Nov 07 2019

Alegrias

Publicado por João Espinho

Share

Nov 06 2019

A mulher do Fraque

Publicado por João Espinho

Sobre a recente contratação, por parte do município de Beja, de uma advogada de Beja para prestação de serviços jurídicos no âmbito de rendas em atraso dos contratos de habitação social, por 17.500€ + IVA, durante 6 meses, ocorreram-me várias dúvidas:
A 1ª foi que título dar a este post. Hesitei em destacar: ter cartão de militante do PS dá um jeito do caraças. Mas isso não teria impacto, nem seria novidade. Já toda a gente sabe que ter o cartão rosa abre portas como uma chave-mestra. Outra dúvida que me assaltou: a CMB não tem juristas que façam esse serviço? Mas a grande, a maior dúvida é: esta primeira prestação de serviços não é um trampolim para outros vôos?. Cá estaremos para ver
Enfim, tudo aquilo que tanto se criticou nas gestões comunistas – o amiguismo, a partidarite, o caceteirismo, afinal, não desapareceu. Até parece que tomou mais vigor.
Mas pronto, o centro do sul é assim, e o futuro poderá reservar-nos surpresas.

Share